Yes, you can! Dá para cancelar o pacote para qualquer país que tenha caso confirmado de gripe suína

porco-voador

A leitora Luiza fez uma pergunta pertinente sobre o cancelamento de pacotes turísticos por conta da gripe suína.

“Posso desistir de uma viagem para Nova York em 05 de maio? A agente diz que não pode sem menos de uma multa de 80 por cento.”

Fiquei de pesquisar e agora obtive a resposta. O  Instituto Brasileiro de Estudo e Defesa das Relações de Consumo (Ibedec) informa que as pessoas que tenham viagem marcada para o México ou para países com casos de Gripe Suína e quiserem cancelar seus voos ou pacotes turísticos têm direito de fazê-lo sem o pagamento de multa e ainda receber integralmente os valores já desembolsados.

De acordo com o presidente do Ibedec, José Geraldo Tardin, “o caso da Gripe Suína gera um justo temor nas pessoas em ser infectadas pelo vírus da gripe suína e assim engrossar as estatísticas de contaminados ou mortos pela pandemia que se iniciou no México (onde morreram até hoje pela manhã 159 pessoas) e já se espalhou pelo mundo, com casos confirmados em vários outros países”.

Tardin diz que os clientes podem se valer do Código de Defesa do Consumidor e do Código Civil para pedir a rescisão do contrato, a devolução das quantias já pagas, a suspensão do débito ou compensação dos cheques ainda pendentes e a isenção de qualquer tipo de multa.

Segundo o Ibedec, a gripe suína caracteriza motivo de força maior para o não cumprimento do contrato pelo consumidor, ”como já houve oportunidades de julgamento pelo Superior Tribunal de Justiça, onde se considera que havendo fatos imprevisíveis que gerem conseqüências inevitáveis o contrato pode ser rescindido ou alterado sem penalidade para as partes.”

Vejam as dicas do Ibedec:

* Quem deseja cancelar o pacote de viagem ou vôo por medo de contrair o vírus ou entrar em contato com pessoas infectadas ou locais confirmados de contaminação, deve comunicar previamente a empresa, via e. mail ou carta registrada, com comprovante de envio/recebimento.

* O consumidor deve, no ato do pedido de rescisão do contrato, fazer o pedido de devolução dos eventuais valores pagos ou pedir a suspensão do débito dos valores ainda devidos.

* Caso o consumidor opte por adiar a viagem, deve receber da empresa informações claras sobre o prazo máximo para realizar a viagem, bem como outros detalhes como impossibilidade de remarcar datas ou de cancelar o pacote.

* Quem sofrer qualquer tipo de problema nas viagens tem assegurado direitos pelo Código de Defesa do Consumidor. Ações de até 40 salários mínimos têm solução rápida nos Juizados Especiais Cíveis ou do Consumidor.

One thought on “Yes, you can! Dá para cancelar o pacote para qualquer país que tenha caso confirmado de gripe suína