Os clubes mais ricos do planeta, cada vez mais ricos

Estudo da Deloitte Money League 2013. Crédito: Deloitte

Os 20 clubes mais ricos do mundo geraram inacreditáveis 4,8 bilhões de euros na última temporada, ou R$ 13 bilhões. Trata-se de um acréscimo de 10% sobre o ano anterior.

A lista faz parte da atualização anual do estudo produzido pela consultoria Deloitte, com o Football Money League 2013, que considera as receitas dos clubes em 2011/2012.

O Real Madrid segue na liderança, seguido pelo Barcelona, em uma composição que já chega a quatro anos seguidores. Domínio espanhol no mercado mundial.

No gráfico acima, a divisão de faturamento entre jogos (matchday), direitos de transmissão (broadcast) e marketing/produtos oficiais (commercial).

Confira os dados do estudo sobre a temporada 2010/2011 clicando aqui.

Só como curiosidade, vale lembrar que o futebol brasileiro, numa conta envolvendo todas as equipes, faturou R$ 2,9 bilhões no ano passado, ou 22% do top 20 europeu.

4 thoughts on “Os clubes mais ricos do planeta, cada vez mais ricos

  1. CÁSSIO PODE ME TIRAR UMA DUVIDA? A ARENA PERNAMBUCO É DE PROPRIEDADE DO NÁUTICO? UHUUU MEU TIMBU TEM UMA ARENA PRÓPRIA O RESTO TEM ESTÁDO KAKAKAKAAKKAKAKAKAKAKAKKAKAKA
    #EURI KAKAKAKAK CHUPA SARNENTOS CHUPA COISENTOS

    HEXAAA É LUXOOOO

  2. eita futebol Brasileiro.cada vez pior.mas aqui em Recife,os caras ficam posando de coitadinhos,paciencia!

  3. Que diferença para os times brasileiros! Mesmo os grandes de Rio e SP. Os de Pernambuco então….. E as receitas de bilheteria e afins (“match day”) são relevantes.
    Sds!