Num campeonato igual como a Série B, vale o arranque no returno

Mosaico do PFC na Série B 2014. Foto: Cassio Zirpoli/DP/D.A Press

A Série B é conhecida pelo seu equilíbrio técnico. Jogos de muita força, com algum lampejo de técnica sendo decisivo nas partidas. Não por acaso, é comum um time ficar entre o acesso e o descenso faltando dez rodadas.

Num campeonato no qual os jogos parecem iguais, técnica e fisicamente, vale enxergar com mais cuidado os números de cada um.

Em 2014, Náutico e Santa Cruz terminaram o turno com 27 pontos, a seis da zona de classificação à elite. No caso tricolor, falta uma partida, que pode fazer com que a campanha seja 27, 28 ou 30 pontos. Historicamente, o último integrante do G4 sempre chegou à metade da competição na casa dos 30 pontos (o que mostra a importância de Santa x Bragantino).

O 4º lugar da segundona na 19ª rodada:
2014 – 33 pontos, 57,8% e 1 ponto de vantagem
2013 – 31 pontos, 54,3% e nenhum ponto de vantagem
2012 – 34 pontos, 59,6% e 1 ponto de vantagem
2011 – 30 pontos, 52,6% e 1 ponto de vantagem
2010 – 31 pontos, 54,3% e nenhum ponto de vantagem
2009 – 33 pontos, 57,8% e 3 pontos de vantagem
2008 – 32 pontos, 56,1% e nenhum ponto de vantagem
2007 – 30 pontos, 52,6% e nenhum ponto de vantagem
2006 – 30 pontos, 52,6% e 1 ponto de vantagem

Por outro lado, nem sempre o 4º colocado conquistou o acesso após as 38 rodadas. É normal o arranque de uma equipe no returno. A recuperação recorde ocorreu logo na primeira edição do atual formato da Série B, com pontos corridos, com o América de Natal saltando do 12º lugar para a primeirona. Havia somado apenas 25 pontos no turno inicial.

O detalhe básico: todas as equipes neste contexto foram superiores no returno.

Lista de times que subiram com a pior campanha na primeira fase:
2013 – Figueirense (8º com 29) / 31 pontos – 60 pts (4º)
2012 – Atlético-PR (6º com 32) / 39 pontos – 71 pts (3º)
2011 – Sport (5º com 29) / 32 pontos – 61 pts (4º)
2010 – América-MG (6º com 30) / 33 pontos – 63 pts (4º)
2009 – Ceará (4º com 33) / 35 pontos – 68 pts (3º)
2008 – Barueri (6º com 30) / 33 pontos – 63 pts (4º)
2007 – Ipatinga (9º com 28) / 39 pontos – 67 pts (2º)
2006 – América-RN (12º com 25) / 36 pontos – 61 pts (4º)

Ano -Time (colocação e pontuação no turno) / pontos no returno – pontuação geral (colocação final)

Confira uma análise do primeiro turno de 2006 a 2014 clicando aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>