Presidente do Náutico, Marcos Freitas vence a eleição mais acirrada do estado

Marcos Freitas, o presidente eleito do Náutico para 2016 e 2017. Foto: Paulo Paiva/DP/D.A Press

A eleição alvirrubra para o biênio 2016/2017 foi a mais disputada da história do futebol pernambucano, com uma marca difícil de ser quebrada. Num universo de 1.544 votos válidos, numa disputa polarizada, a diferença foi de apenas dez votos. Dez! Vitória de Marcos Freitas, oposicionista, mas integrando o grupo que comandou o clube durante muitos anos. Superou Edno Melo, uma corrente disfarçada da atual gestão, apesar da bandeira independente.

Com o clube em situação crítica nos últimos anos, com jejum de títulos, caixa vazio e distanciamento da torcida, a indefinição marcou o período eleitoral, com os alvirrubros divididos entre promessas e descrenças. A boca de urna dos jornalistas nos Aflitos no domingo só comprovou o cenário. Se ouvia 50 sócios, Edno à frente. Mais 50, Marcos em vantagem. Seguiu até a apuração, com o resultado final já antológico. Esse foi o 15º bate-chapa no trio de ferro desde 2000. Até então, a eleição mais apertada havia sido no Arruda, em 2006, com Edinho vencendo por 57 votos, ou 4,05% de diferença. Agora foi de 0,65%.

Para Marcos Freitas, com experiência no conselho fiscal do Náutico, a missão é equalizar a receita a curto prazo. Já chega com uma direção pronta, mas terá de cara dois meses de salário atrasados entre jogadores e funcionários. E a atual gestão antecipou 50% da cota de R$ 950 mil do Estadual e R$ 800 mil da Série B de 2016. A vida não será fácil. E a responsabilidade é ainda maior.

Eleições mais disputadas no Trio de Ferro:
1º) Náutico 2015 – Marcos Freitas 50,32% x 49,67% Edno Melo
2º) Santa Cruz 2006 – Edson Nogueira 52,02% x 47,97% Alberto Lisboa
3º) Sport 2012 – Luciano Bivar 57,27% x 42,72% Homero Lacerda
4º) Sport 2000 – Luciano Bivar 64,09% x 35,90% Wanderson Lacerda
5º) Santa Cruz 2004 – Romerito Jatobá 66,94% x 33,05% Antônio Luiz Neto 

A eleição do Náutico para o biênio 2016/2017. Foto: Paulo Paiva/DP/D.A Press

2 thoughts on “Presidente do Náutico, Marcos Freitas vence a eleição mais acirrada do estado

  1. Os quatro bate-chapas seguidos no Náutico:

    2015 – 1.544 votos
    Marcos Freitas (Náutico de Todos) – 777 votos (50,32%
    Edno Melo (Vermelho de Luta, Branco de Paz) – 767 votos (49,67%)

    2013 – 2.146 votos
    Glauber Vasconcelos (Movimento Transparência Alvirrubra) – 1.575 votos (73,39%)
    Marcílio Sales (Alvirrubros de Coração) – 458 votos (21,34%)
    Alexandre Homem de Melo (Renovação) – 70 votos (3,26%)
    Alberto de Souza (Náutico pra frente) – 43 votos (2,00%)

    2011 – 1.632 votos
    Paulo Wanderley (Náutico de Primeira) – 1.139 votos (69,79%)
    Marcílio Sales (Movimento Transparência Alvirrubra) – 475 votos (29,10%)
    Paulo Henrique (Renovação) – 18 votos (1,10%)

    2009 – 160 votos (apenas conselheiros)
    Berillo Albuquerque (Náutico Acima de Tudo) – 121 votos (75,62%)
    Paulo Alves (Náutico Para Todos) – 39 votos (24,37%)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>