Em Caxias do Sul, Santa Cruz perde a 3ª seguida e termina o turno colado no Z4

Série B 2017, 19ª rodada: Juventude 2 x 1 Santa Cruz. Foto: Arthur Dallegrave/E.C. Juventude

Em mais uma apresentação fraca, tecnicamente, o Santa Cruz sofreu a terceira derrota consecutiva na Série B, com oito gols sofridos nesta sequência, que derrubou o time da 8ª posição para a 16ª, colando na zona de rebaixamento. Atuando em Caxias do Sul, numa fria tarde/noite, caindo em 17 graus, o tricolor voltou a apostar em Thiago Primão no meio-campo, tentando municiar o ataque, com Bruno Paulo e André Luís nas pontas e Ricardo Bueno como centroavante – desta vez, pouco participativo. Se na frente a queda de produção é visível, na defesa o técnico Givanildo Oliveira vai mexendo como pode. Desfalcado do goleiro Júlio César e do zagueiro Bruno Silva, suspensos, acionou Jaccson (boa participação) e Jaime (pilhado demais).

Na proteção, uma dupla de volantes de pouco entendimento, com João Ananias discreto e Wellington Cézar mantendo a regularidade, no mau sentido. Após um primeiro tempo em branco, o tricolor manteve a postura retraída, num jogo até equilibrado. Embora tenha passado boa parte do turno no G4, o Juventude vinha em queda, com o 6º lugar na rodada anterior.

Série B 2017, 19ª rodada: Juventude 2 x 1 Santa Cruz. Foto: Juventude/instagram (@ecjuventude)

Para voltar à zona de classificação, o time gaúcho contou com o centroavante Tiago Marques. Ah, e também com outro Tiago, o Costa. Aos 16, o lateral-esquerdo tricolor cometeu um pênalti tosco, ao levantar a perna, mesmo caído no gramado, derrubando o meia Juninho (ex-Sport). Na cobrança, o camisa 9 do alviverde deslocou o goleiro coral. Dez minutos depois, em rápida jogada individual, Tiago Marques driblou Jaime e ampliou, chegando a 10 gols na Série B, só atrás de Belusso (ex-Náutico), com 11 tentos pelo Londrina.

Com o time pernambucano abatido, Giva tentou mexer, pressionando mais à frente. No abafa, diminuiu aos 35, com Júlio Sheik, que acabara de entrar, pegando um rebote. Até o apito final, aos 49, o tricolor insistiu na bola aérea, com a defesa gaúcha agrupada, sem dar chance para o empate, 2 x 1. A crise técnica instaurada no Arruda cresce paralelamente à crise financeira.

Os 8 jogos sob o comando de Givanildo Oliveira*
07/07 – Santa Cruz 3 x 0 Brasil
11/07 – Luverdense 2 x 2 Santa Cruz
15/07 – Náutico 0 x 0 Santa Cruz
18/07 – Santa Cruz 1 x 0 Vila Nova
21/07 – Santa Cruz 1 x 1 Boa
29/0
7 – Paraná 4 x 0 Santa Cruz

01/08 – Santa Cruz 1 x 2 Paysandu
05/08 – Juventude 2 x 1 Santa Cruz
* 37% de aproveitamento (2V-3E-3D)

Série B 2017, 19ª rodada: Juventude 2 x 1 Santa Cruz. Foto: Luís Erbes/Agência Free Lancer/Estadão conteúdo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>