Em ponte Sport-São Paulo-Bahia, Régis sai por R$ 1,34 milhão. Abaixo da compra

Régis em passagens pro Sport e Bahia. Fotos: Paulo Paiva/DP (Sport) e Bahia/site oficial (Bahia)

Atualização em 05/01/2018

Numa negociação complexa, o Sport vendeu 25% dos 40% que tinha em relação aos direitos econômicos de Régis. O acordo foi estabelecido com o São Paulo, que já tinha 45% e repassou o meia imediatamente ao Bahia (70%, portanto) como parte da compra do goleiro Jean. E assim, já há duas temporadas longe da Ilha do Retiro, acaba a ‘passagem’ do meia no clube. Comprado por R$ 2,5 milhões em 2014, junto à Chape, o jogador acabou saindo por R$ 1,34 milhão, no último ano do contrato. Prejuízo? A conclusão não é simples, pois, sem espaço no leão, Régis foi emprestado três vezes, sendo uma ao Palmeiras e duas ao Bahia, onde foi eleito o melhor jogador do Nordestão 2017, à parte do título diante do próprio ex-clube.

Quanto o rubro-negro recebeu pelos empréstimos? A informação está retida na caixa-preta do clube, que dificilmente será aberta no balanço oficial, agendado para abril. Já em relação à própria venda, o Sport não chegou sequer a ver o dinheiro, utilizado para abater dívidas com o próprio tricolor paulista, pela compra do atacante Rogério e por repasses dos empréstimos de Régis, uma vez que o São Paulo detinha o percentual restante dos direitos.

Régis no Sport (2014-2015)
62 jogos
9 gols
6 assistências

Ou seja, uma venda milionária com dinheiro ‘virtual’, que não pingou na conta de fato. Considerando o Plano Real, esta foi a 17ª venda do clube neste porte (a 33ª do estado), ficando a duas do Vitória, o recordista da região. Mas, até que a direção detalhe, a saída de Régis não se sobrepôs à chegada…

As maiores vendas do Sport no Plano Real. Crédito: Cassio Zirpoli/DP

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>