O incrível borderô de Flamengo x Sport, com tíquete médio de R$ 57 em Arcoverde

Pernambucano 2018, 1ª rodada: Flamengo de Arcoverde 0 x 0 Sport. (borderô). Crédito: FPF/reprodução

Todos os ingressos para a partida entre Flamengo de Arcoverde e Sport foram vendidos. Na abertura do Estadual 2018, num duelo que não acontecia desde 1999, três mil pessoas entraram no estádio Áureo Bradley. Na transmissão, a primeira da Globo na cidade, surgiu a informação sobre a renda: R$ 173,5 mil. Ganhou tanta atenção quanto o empate sem gols, comemorado pela fera. A surpresa era óbvia, a partir da limitada quantidade de espectadores.

Dividindo a renda pelo público, que não teve gratuidade alguma contabilizada, o tíquete médio foi de R$ 57,83. Para o futebol local, elevadíssimo. Com a publicação do borderô foi possível conferir a divisão de setores, tendo até um camarote armado, semelhante àqueles do Galo da Madrugada – e o ingresso saiu por R$ 100! A entrada mais barata foi a do sócio mandante, com 150 bilhetes. A título de comparação, esta renda foi superior a da decisão de 2017, também com o Sport e também no sertão. Mas em Salgueiro, num palco maior, com 5.544 pessoas e R$ 164 mil. Apesar do quadro surpreendente, não foi a maior arrecadação do interior no Plano Real. Em 22 de abril de 2015, pela Copa do Brasil, o Salgueiro recebeu o Flamengo do Rio, com 7.553 espectadores e 570 mil reais de renda – tíquete médio de R$ 75,49.

Haja descontos sobre a renda bruta no Áureo. Além da taxa de 8% para a FPF, cortes com seguro, INSS, arbitragem, delegados, diárias e transporte. 

Pernambucano 2018, 1ª rodada: Flamengo de Arcoverde 0 x 0 Sport. (borderô). Crédito: FPF/reprodução

Somando todas as despesas, R$ 28 mil, dado superior à renda total dos outros dois jogos no interior na primeira rodada. Portanto, o Flamengo ficou com R$ 144.687. Com um jogo, garantiu o pagamento de duas folhas do elenco (R$ 60 mil/mês) e ainda sobrou… Demanda reprimida na região?

Pernambucano 2018, 1ª rodada: Flamengo de Arcoverde 0 x 0 Sport. (borderô). Crédito: FPF/reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>