Comissões discutirão ações para minimizar uso de drogas nas escolas

As comissões de Educação; de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado; e de Seguridade Social e Família vão debater o estudo desenvolvido pelos ministérios da Saúde e Justiça sobre os usuários de drogas no País. O intuito da audiência é avaliar as ações conjuntas que serão desenvolvidas para contornar o problema das drogas e também as ações que já estão sendo desenvolvidas no Brasil. A data do debate ainda não foi definida.

Recentemente os ministérios da Justiça e da Saúde divulgaram a pesquisa “Estimativa do Número de Usuários de Crack e/ou Similares nas Capitais do País”. Um dos pontos da pesquisa mostra o número de usuários de crack, merla, oxi e outras drogas no Brasil contabiliza aproximadamente 370 mil pessoas em 2012, o equivalente a 0,81% da população. Desse total aproximadamente 50 mil são adolescentes e crianças.

“O uso de drogas por parte de crianças e adolescentes é uma preocupação. É importante que o Ministério da Educação possa informar como será desenvolvido o trabalho em conjunto com os ministérios autores do estudo, para que sejam conhecidas as propostas de integração das crianças e adolescentes usuárias de drogas nas escolas”, destacou o deputado Stepan Nercessian (PPS-RJ), que pediu a audiência.

Da Agência Câmara

Quem avisa, amigo é!!!

Para evitar problemas entre os usuários e os funcionários do Metrô do Recife, a administração resolveu colocar nas estações de metrô uma placa alertando aqueles passageiros mais alteradinhos e que gostam de arrumar confusão sem motivos de que eles não podem sair por aí fazendo o que bem entendem.

Placas estão em locais visíveis. Foto: Wagner Oliveira/DP/D.A Press

Placas estão em locais visíveis. Foto: Wagner Oliveira/DP/D.A Press

O aviso está afixado nas proximidades das bilheterias e catracas das estações e serve de alerta para os desavisados. Desacato é crime, sim senhor. E quem desacata funcionário público pode terminar no xilindró. Por isso, muita calma antes de abrir a boca e pensem muitas vezes antes de tentar agredir alguém.