Central móvel de monitoramento nas prévias de Olinda

Por Thamires Oliveira

Para garantir a segurança nas prévias do carnaval de Olinda, 43 câmeras vão monitorar o movimento no Sítio Histórico. A prefeitura deu início, ontem, às operações da Central de Monitoramento Móvel. O ônibus, que ficará nas imediações do Palácio dos Governadores, conta com sete câmeras, cinco externas e duas internas, e será integrado a outros 20 equipamentos de filmagem. Além disso, a Secretaria de Defesa Social de Pernambuco informou que reativará 16 câmeras disponíveis na área até o carnaval, tendo como ponto de apoio a Plataforma de Observação Elevada.

Ônibus ficará nas imediações da prefeitura. Foto: Anderson Freire/Esp.DP

Ônibus ficará nas imediações da prefeitura. Foto: Anderson Freire/Esp.DP

Durante as prévias do último fim de semana, arrastões, tiros e brigas foram filmados pelos moradores e foliões. As imagens viralizaram nas redes sociais e assustaram quem pretende brincar o carnaval em Olinda. Durante a tarde de ontem, a cúpula de segurança municipal discutiu estratégias de segurança e maneiras de coibir a violência, em conjunto com a Polícia Civil, Ministério Público de Pernambuco, Bombeiros, Polícia Militar, Poder Judiciário e Conselho Tutelar. “Como precaução, já estamos com o ônibus de monitoramento para levar tranquilidade a todas as pessoas que vêm à nossa cidade”, afirmou o prefeito Lupércio Nascimento.

Das sete câmeras da Central de Monitoramento, quatro ficam nas laterais e uma é giratória e elevada. No interior do ônibus, três guardas municipais farão o controle por quatro monitores. “Nossa central estará próxima dos locais onde normalmente tem ocorrido delitos. De posse das imagens, vamos transmitir ao pessoal da prefeitura e Polícia Militar para que haja intervenção imediata”, explicou o Coronel Pereira Neto, secretário de Segurança Urbana de Olinda. De acordo com o gestor, na última prévia havia dez guardas municipais nas ruas. Para os próximos dias, além do ônibus, duas viaturas e duas motos, o número de guardas será maior.

A central estará interligada, até o fim de semana, a outras 20 câmeras de monitoramento de serviços públicos de toda a cidade. “Vamos avaliar os equipamentos que têm menos uso e tranferi-las para cá”, destacou Lupércio.

A Secretaria de Defesa Social de Pernambuco anunciou ainda a reativação de câmeras de segurança do Sítio Histórico ligadas à plataforma na Praça do Carmo. “Esse equipamento é um caminhão de alta tecnologia, com servidores de alta performance, que será instalado em Olinda. Nós traremos as imagens das 16 câmeras e teremos dois policiais militares trabalhando em regime de 24 horas”, explicou o major João Barros, coordenador do Centro Integrado de Comando e Controle da Secretaria de Defesa Social. Os pontos mais movimentados, como os Quatro Cantos e a área em frente ao Palácio dos Governadores, funcionarão já no próximo domingo. Até o carnaval, todas as 16 câmeras estarão ligadas.