Denatran quer incentivar parcerias para reduzir acidentes de moto

 

O Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) pretende incentivar parcerias com instituições em todo o país com o objetivo de reduzir o número de acidentes de moto.

Dentro desta perspectiva, Pernambuco partiu na frente com a criação de um Comitê Estadual de Prevenção de Acidentes de Motos com várias entidades, entre elas o Ministério Público. O primeiro balanço do trabalhou resultou na divulgação de redução de 21% nos atendimentos de vítimas de acidentes de motos na unidade de traumatologia do Hospital da Restauração (HR).

Em uma primeira reunião promovida pelo Denatran para discutir o assunto, estiveram presentes: o diretor do Denatran,Júlio Ferraz Arcoverde, o diretor da Secretaria de Integração da AMB, Flavio Fenoglio, o Coordenador da Justiça Estadual, Walter Pereira, e a Advogada Nina dal Poggetto,

O grupo apresentou um projeto que consiste em campanhas voltadas ao uso responsável do capacete, a conspicuidade (a melhor visibilidade do motociclista), cuidados com óleo na pista e os temidos pontos cegos.

O Diretor do Denatran afirmou a necessidade de parcerias, “No Brasil, toda ação feita em relação à prevenção de acidentes tem apoio do Denatran. Precisamos envolver a sociedade, pois uma ação isolada do governo não trará os resultados desejados”, completou. Em julho acontecerá o II Encontro de Motociclismo da AMB e do IX Brasília Moto Capital.

Com informações do Portal do Trânsito

Os comentários estão fechados.