AUTOMÓVEIS

Fábrica da FCA entrou nos corações pernambucanos

Planta está pronta para atuar na capacidade total

Linha de produção do Renegade em Goiana, Pernambuco

A fábrica do grupo Fiat Chrysler Automobiles, em Goiana, irá receber novos investimentos em matéria de produtos e parte deles vem da fatia dos R$ 14 bilhões anunciados para a América Latina pelo presidente da empresa, Antônio Filosa. De acordo com o novo CEO do grupo para a região, as novidades incluem modelos totalmente novos e também renovações. A divisão será de 15 veículos da Fiat e outros 10 das marcas Jeep e Ram.

A relação mais estreita entre a FCA e Pernambuco acontece desde 2015, quando ocorreu a inauguração da fábrica no estado.

Todavia, a realidade é que a Fiat não para de investir no país e, inclusive, nos últimos anos tem modificado totalmente a sua linha de veículos. É que desde 2016 uma sequência de novos carros foi lançada pela montadora, revelando não só a nova proposta de atualização de mercado e de alinhamento com a atualidade, mas também a proposta da renovação do seu lineup em todos os segmentos. Estamos falando da picape Toro, do compacto Mobi, do hatch Argo, e do Cronos, que completam essa primeira fase. Para o diretor de Comunicação, Marketing e Sustentabilidade da FCA para América Latina, João Ciacco, os investimentos em novos produtos é um diferencial da marca. “Surpreendemos o consumidor com produtos e serviços de qualidade, eficientes e seguros.”

Italiana é a identidade da Fiat na capital e interior

Revenda foi um marco para a Fiat em pernambuco

A concessionária Fiat Italiana foi inaugurada no Recife em novembro de 1998 com a sua sede no bairro da Imbiribeira, mas a experiência comercial da loja foi herdada do Grupo Mendonça Empreendimentos, responsável pela sua fundação, e que existe há mais de 75 anos.

Já nos seus primeiros anos de atividades, a concessionária Fiat Italiana conseguiu uma grande participação no mercado local e obteve importantes conquistas como ser a primeira concessionária Fiat do Brasil Certificada nos Padrões de Atendimento de Vendas, a Maior em Volume de Vendas de Usados Plus. No final de 2003, a Fiat Italiana abriu sua primeira filial em Caruaru, segundo maior mercado de automóveis do estado.

Hoje, a Italiana é a preferida dos pernambucanos porque seu nome é logo associado à marca Fiat, uma das mais queridas do mercado automotivo brasileiro e que vem renovando toda sua linha no país.

HISTÓRIA

A Italiana é uma das ramificações do grupo que foi fundado em 1935, no Vilarejo de Serra do Machado, em Sergipe, por Pedro Paes Mendonça.

Em 1991, José Américo Mendonça, um dos filhos do Sr. Pedro, fundou, junto com seus filhos, o Grupo Mendonça Empreendimentos, que atua principalmente nos setores imobiliários e na comercialização de veículos.

Concessionária pioneira na Mascarenhas de Morais

Fiori Jeep é show de qualidade

Empresa do grupo Parvi conta com duas lojas no recife e representa os importados da marca

Loja da Agamenon Magalhães é um cartão postal para a Jeep

Com 76 anos de história, a Jeep firmou-se no mercado automotivo pelos seus ícones off-road. Nascida para servir na Segunda Guerra Mundial, a montadora foi requisitada para produzir um veículo leve com tração nas quatro rodas e capacidade para três soldados e uma metralhadora. O modelo que surgiu dessa exigência foi o Willys MB.

A marca, que anunciou no fim do mês passado um investimento de R$ 14 bilhões para a América Latina, que também promete um novo SUV de sete lugares na planta de Goiana, se consagra com modelos para todo terreno. Carimbo registrado da montadora, os modelos da Jeep inspiram aqueles que gostam de aventura sobre as quatro rodas. A começar pelo carro de entrada, o Renegade, que foi lançado em 2014 no Brasil e é produzido na fábrica da FCA em Goiana e vai encarar seu primeiro facelift a partir de outubro.

Utilitário que é um dos principais comercializados pela Fiori Jeep, aqui em Pernambuco. “O Renegade e o Compass são os carros-chefe da Fiori, mas vendemos e damos assistência também a veículos Dodge e Chrysler no estado”, aponta o superintendente da marca Petrônio Franklin. Mas, além dos principais, existem ainda os Cherokee e Grand Cherokee, que são comercializados pela Fiori.

A marca está há três anos na capital com duas lojas. A primeira da franquia aberta pelo grupo Parvi é a que se encontra em Afogados. A outra fica na Agamenon Magalhães, também responsável por comercializar veículos importados da marca. Com um showroom que exibe clássicos como Wrangler de duas portas e Dodge, a Fiori Jeep da Agamenon recebeu, há alguns meses, a liberação para comercializar veículos estrangeiros do grupo.

Mas, o principal atrativo da marca são os colaboradores. “O nosso grande diferencial é o atendimento”, aponta Petrônio. Com equipes treinadas para dar todo o suporte na hora de escolher seu veículo, a Fiori Jeep aposta ainda em promoções para chamar a atenção do cliente.

O pós-venda da Fiori também possui uma identidade baseada na confiança. “Além da agilidade na entrega de um serviço de qualidade”, ressalta Petrônio Franklin.

Disnove é líder em vendas corporativas na região

Empresa surgiu na cidade de Timbaúba, interior do estado, e agora sustenta o título de Filial Plena da Volkswagen em pernambuco

No mercado pernambucano há mais de 50 anos, a Disnove nasceu no interior do estado, na cidade de Timbaúba. Do município na Zona da Mata Norte saíram os primeiros carros Volkswagen 0 km vendidos no estado. A concessionária foi uma das responsáveis pela nova fase que se iniciou no mercado local, na época. Com isso, novos investimentos foram realizados com o objetivo de ampliar as vendas de veículos, peças e assistência técnica.

Em 1998, o grupo Disnove,  empresa familiar e de origem local, adquiriu os direitos comerciais para atuar no Recife. A Disnove possui duas concessionárias na capital pernambucana. A primeira foi instalada no bairro da Iputinga, na Avenida Caxangá, uma das principais vias da cidade. Neste período existiam apenas 10 concessionárias, das quais duas eram de revenda, incluindo a própria Disnove.

A outra loja foi inaugurada em fevereiro de 2010 e fica na Zona Norte, na Avenida Beberibe. Em agosto deste mesmo ano, a Disnove iniciou as operações do novo centro de distribuição de logística. Além da abertura de novos pontos, o grupo também está realizando reformas estruturais em seus atuais prédios, destacando a conclusão da reforma completa da filial Caxangá.

O principal diferencial da loja é o atendimento ao cliente. “Temos um DNA de acolhimento muito personalizado e humanizado, por isso temos o slogan ‘Um amor de concessionária’”, aponta a gestora de relacionamento da Disnove, Luciana Kriese.

“O nosso setor de assistência técnica é simplesmente incomparável”, revela Luciana. A marca dispõe de diversas facilidades e comodidades para os clientes. É a única com o serviço VW móvel, que é totalmente adaptado para atender os clientes em domicílio. Tem também equipe com processos definidos e padronizados em altíssimo nível padrão ISO de qualidade e índice praticamente zero de reparo repetitivo. O lema da Disnove quando o assunto é pós-venda é “fazer certo de primeira”.

No ano em que comemorou 41 anos, a Disnove foi declarada, pela Assobrav (Associação Brasileira dos Revendedores Volkswagen), como a 14ª concessionária em faturamento em um universo de cerca de 600 revendas VW espalhadas pelo Brasil. Por conta do bom desempenho, o Grupo Disnove foi contemplado pela Volkswagen com a concessão do título de Filial Plena, que já se encontra em funcionamento desde outubro de 2007.

Entre os serviços disponibilizados pela Disnove, merece destaque o Best Drive que é um programa no qual o cliente interessado pode fazer um test drive, acompanhado do vendedor, para conhecer melhor e testar o veículo da Volkswagen de interesse. A marca disponibiliza a opção de agendamento online, por telefone ou presencial.

A Disnove é líder em vendas corporativas na região. Para chegar a essa liderança, a marca possui uma equipe especializada, além de condições exclusivas para a compra de automóveis por pessoas jurídicas, órgãos governamentais, taxistas, frotistas, produtores rurais e pessoas com necessidades especiais.

Atendimento humanizado e personalizado é uma das marcas da concessionária pernambucana

Quinze anos aproximando o cliente da marca Ford

América Ford atua no mercado desde 2003 e tem como meta manter a liderança no segmento e ampliar a sua área de atuação

Excelência no atendimento é a missão da concessionária

Fundada em 2003 em Pernambuco, a América Ford nasceu com o intuito de aproximar ainda mais o sonho de ter um Ford com a facilidade de adquiri-lo perto de casa. Há 15 anos a empresa carrega o papel de estreitar laços entre a montadora e o pernambucano, o amazonense e o potiguar, já que existem lojas da marca nos três estados. E este ano, leva o título de marca preferida no quesito revendas Ford.

Durante a trajetória, de acordo com o diretor da empresa, Tércio Lopes, o grande desafio foi a satisfação dos clientes. “Após abrirmos a nossa matriz, rapidamente tivemos oportunidade de ter cinco operações no Grande Recife. Logo após a consolidação nesta praça, fomos para Petrolina. Em seguida, saímos do estado, indo para Natal e Manaus. Fora o aumento das praças, tivemos muito foco e evolução nos números de veículos e hoje nós temos um índice de satisfação acima da média nacional Ford. Mas o trabalho é constante com nosso cliente. Excelência no atendimento é nossa missão sempre”, comenta.

Para o pernambucano, ter a opção de escolher a loja para comprar um Ford é, sobretudo, um diferencial no quesito qualidade de atendimento, acredita o diretor da empresa. “O mercado e o cliente hoje são absurdamente dinâmicos, então precisamos estar sempre bem treinados e capacitados a todas as situações e adversidades. É onde está nosso principal diferencial: atendimento com qualidade de todos os nossos colaboradores. O básico bem feito é uma de nossas premissas”, afirma.

Sempre visando novos horizontes, o foco da empresa é, além de se manter líder no segmento, ampliar a sua área de atuação. “Nosso crescimento é sempre contínuo. Como o mercado está em recuperação neste segmento automotivo, tenho convicção que, como grande grupo, estaremos em breve buscando crescer com a Ford em novos planos de expansão na marca América”, comenta Tércio.

Através das rede sociais, onde a empresa sustenta uma fanpage no Facebook com mais de 61 mil curtidores, a relação entre cliente e loja é estreitada. Essa é, na verdade, uma das formas em que a América foca para privilegiar ainda mais a atenção com o público. “Existem programas de relacionamento com nossos clientes, seja com foco em vendas, lançamentos, ações e campanhas internas, focadas principalmente em nosso pós-venda. Mas vale lembrar que esses laços são estreitados além das redes sociais. Isso porque priorizamos também um próximo relacionamento com nosso time de colaboradores”, finaliza o diretor.

Sinônimo de credibilidade

Fundada há 25 anos, a Autonunes é reconhecida pela qualidade

Em Pernambuco há quase 25 anos, a Autonunes surgiu no coração do estado, dentro da Região Metropolitana do Recife. “A primeira loja inaugurada foi a matriz, em Jaboatão dos Guararapes”, destaca o diretor Gleydson Zarzar. A concessionária foi fundada por Humberto Nunes, mais conhecido por Seu Beto, que fez história ao inaugurar a maior concessionária Chevrolet no Nordeste.

Durante a década de 1990, o sucesso da matriz de Prazeres, em Jaboatão, rendeu inúmeros prêmios, inclusive o Marcas Preferidas. A primeira classificação A veio em 1995, mérito anual concedido pela GM às melhores concessionárias do Brasil. Dessa forma, a Autonunes Chevrolet se consolidou como sinônimo de credibilidade e qualidade no atendimento.

A concessionária realiza não apenas o trabalho de venda de veículos novos. “Nós também oferecemos carros seminovos, peças, acessórios, vendas diretas (táxi, locadoras, CNPJ, PCD e produtor rural), reparos de veículos na mecânica e funilaria, além do consórcio de automóveis”, explica Gleydson.

Nos anos 2000, a melhora ocorrida dentro do mercado automotivo fez com que o idealizador da loja, Beto Nunes, realizasse seu sonho de expandir a marca para outras cidades do estado. Assim sendo, em um período de apenas três anos, a Autonunes Chevrolet foi inaugurada em três cidades, Recife (2005), Olinda (2007) e Cabo de Santo Agostinho (2008).

Com modelos que vão desde compactos até picapes, a Autonunes oferece uma gama de veículos que agrada a todos os públicos. “Os veículos novos que nós comercializamos são Onix, Prisma, Cobalt, Spin, Tracker, Cruze, Equinox, S10 e Trailblazer”, elenca o diretor.

Com uma atenção especial voltada aos interessados nos produtos da marca, o diferencial da Autonunes está focado no consumidor. “Nosso principal diferencial em relação às outras redes de concessionárias é que buscamos sempre a satisfação dos nossos clientes”, revela Gleydson.

Atualmente, as quatro unidades da Autonunes contam com uma estrutura completa de peças genuínas, serviços de manutenção e reparo de veículos, carros novos e seminovos. “São esses fatores que fazem do grupo Autonunes Chevrolet uma empresa forte, consolidada no mercado com reconhecimento do público pela qualidade de sua equipe e de seu atendimento”.

O pós-venda da marca se destaca, também, pela preocupação com o cliente. “Fazemos sempre pesquisas para identificar a satisfação dos nossos consumidores e para saber como está o veículo. Caso seja relatado algum problema, nossa equipe de assistência técnica entra em contato para resolver”, completa o diretor da Autonunes.

Concessionária, fundada em Jaboatão, está presente em quatro cidades

A energia pernambucana nos automóveis pelo mundo

Natural de Belo Jardim, a Moura ultrapassa mercados nacionais e é a preferida no segmento

Uma empresa que nasceu em Pernambuco em 1957 e se tornou a preferida do consumidor até hoje, atuando em mercados além do nacional. Utopia? É só o prefácio da trajetória da Baterias Moura. Há três anos a empresa lidera o pódio da preferida no seu segmento. Natural de Belo Jardim, a Moura se inova e reinventa para estar pronta e apta dentro do mercado, que é tecnológico e mutável.

Para a diretora de Marketing da empresa, Andréa Lyra, o grupo é orientado pela qualidade, atributo reconhecido para seus produtos e serviços dos mais diversos segmentos: baterias automotivas, para motos, barcos, empilhadeiras, nobreaks, metrôs, trens, estações de telefonia, sistemas de armazenagem, entre outros. “A qualidade é pré-requisito fundamental para sustentação dos fortes vínculos criados pela empresa com seus clientes”, afirma.

Ser o berço da empresa, ou sediar a planta onde tudo começou, pode ser considerado um diferencial para o mercado pernambucano, de acordo com a executiva. “Aqui está instalado o maior complexo fabril de baterias da América Latina, na cidade de Belo Jardim, no Agreste pernambucano, no meio do semiárido nordestino. Também é em solo pernambucano que estão localizados os principais investimentos em pesquisa e desenvolvimento, sustentabilidade e em transformação social. Hoje é possível afirmar que Pernambuco é vanguarda em processo industrial, tecnologia e inovação em sistemas e soluções de acumulação de energia”, comenta.

A busca para se manter atual e se adaptar às novas demandas do mercado, de acordo com Andrea, é o motor da companhia. “Não importa a demanda que o mercado imponha, a Moura tem a solução. A cultura inovadora é transversal dentro da organização e voltada para acompanhar e antever os negócios da empresa. Aplicada desde à busca por melhorias produtivas no processo industrial até o desenvolvimento de novas tecnologias e produtos e na formulação de ferramentas de atendimento e garantia de satisfação do cliente, como por exemplo a plataforma digital de vendas Moura Fácil”, completa.

Além disso, a proposta de se adaptar ao futuro tecnológico dos carros também é pauta da empresa. “A Moura está preparada para ser a empresa brasileira com as tecnologias mais avançadas para eletrificação veicular. Para tanto, constituiu uma nova unidade de negócios dedicada a desenvolver comercial, industrial e operacionalmente a atuação da companhia no mercado de baterias de lítio”, reforça a diretora.

A área de atuação da empresa ultrapassa fronteiras. É que além das distribuidoras espalhadas pelo Brasil, a empresa atua em mercados como Argentina, Paraguai e Uruguai e tem produtos que abrangem além do setor automotivo. Isso porque existem baterias Moura para circuitos de segurança, empilhadeiras, plataformas elevatórias, equipamentos médico-hospitalares e plataformas de petróleo, por exemplo.

Andréa Lyra destaca que qualidade é pré-requisito fundamental para vínculos criados com clientes

PREMIADOS

Categoria
Fábrica de AutomóveisFiatChevroletVolkswagen
Revendedora de veículos GM/Chevrolet AutonunesCaxangá VeículosPedragon
Revendedora de veículos FiatItalianaFioriVia Sul
Revendedora de veículos VolkswagenDisnoveMeira LinsBremen
Revendedora de veículos FordAmérica VeículosGranvia-
Bateria para automóveisMouraBoschHeliar