EDUCAÇÃO

Os “olhos” do Brasil estão voltados para a educação em Pernambuco. O estado tem a melhor universidade pública do Norte e Nordeste (e 46ª da América Latina) – a Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) -; a sexta maior rede privada de instituições de ensino superior (Ser Educacional), além de uma rede pública estadual que teve o maior crescimento no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) do ensino médio. Inclusive, hoje conta com programas pioneiros no país, como o Ganhe o Mundo, que leva os alunos para estudar no exterior.

UMA TRADIÇÃO SECULAR

Fundado em 1895, o Colégio Salesiano hoje aposta em material digital e bilinguismo para repassar o conhecimento

mar-3108-edu-4

Unidade de Pernambuco foi a terceira a ser inaugurada no Brasil – Foto: Divulgação

Uma instituição de ensino centenária que não para no tempo e se moderniza a cada ano que passa. Assim é o Colégio Salesiano Sagrado Coração, vencedor do prêmio Marcas Preferidas, na categoria colégio particular. Para acompanhar as demandas dos tempos atuais, a escola de 121 anos investe em tecnologia e na capacitação do corpo pedagógico. O uso de material digital, a educação em tempo integral e o bilinguismo já são realidade na unidade de ensino salesiana fundada em 1895.

O Salesiano chegou ao Recife no final do século 19, época em que muitas congregações educadoras europeias aportaram no Brasil, em resposta aos apelos insistentes de um país preocupado com a qualidade da educação das novas gerações. Os salesianos desembarcaram na capital pernambucana pelo antigo Lamarão (o Porto do Recife ainda estava em construção) em 1984. Chegaram de barco ao sítio onde até hoje fica o colégio. Tudo por ali ainda era mata fechada e mangue. Entre o colégio e Hospital Dom Pedro 2, havia apenas uma coroa de terra, chamada Ilha do Leite. Ao local, chegava-se de barco pelo Rio Beberibe.

A unidade da capital pernambucana foi a terceira a ser aberta no Brasil, sendo inaugurada após os colégios de Niterói e São Paulo. A história centenária, porém, não fez o colégio parar no tempo. Hoje, o Salesiano atende a cerca de 2 mil alunos, entre estudantes da escola e da faculdade mantida pelo grupo. Os alunos têm à disposição materiais didáticos tecnológicos, voltadas às necessidades de uma geração cada vez mais conectada. “Investimos em tecnologia para não só acompanhar, mas estar à frente do próprio tempo.

Este ano, por exemplo, iniciamos o ensino bilíngue; experiência que está sendo bastante promissora. Também implementamos na escola o material didático digital e estamos formando os professores para trabalhar com ele”, afirma o diretor-geral do Salesiano, padre Raimundo Nonato. “A preferência dos pernambucanos (por meio do Marcas Preferidas) é gratificante, pois motiva esse nosso trabalho. É um reconhecimento ao trabalho de tanta gente e de uma história de tanta contribuição”.

A FORMAÇÃO EM 1º LUGAR

Colégio São Luís coleciona resultados expressivos nos vestibulares do país, além de trabalhar a cidadania

A história do Colégio Marista São Luís, localizado no bairro das Graças, Zona Norte do Recife, confunde-se com a de várias gerações de estudantes que passaram pela unidade de ensino. Fundado há 105 anos, em 6 de fevereiro de 1911, a instituição que integra a Província Marista do Brasil Norte (UNBEC) – Instituição Educacional Confessional Católica -, funciona à luz da filosofia de São Marcelino Champagnat. O colégio, que ocupa o terceiro lugar na categoria colégio particular do Marcas Preferidas, tem como objetivo a formação integral das crianças e adolescentes, contribuindo para o exercício de uma cidadania crítica e reflexiva, dentro dos princípios cristãos.

“O currículo do Colégio Marista São Luís é sustentado na formação integral e centrado na perspectiva humanizadora. A cada ano, consolidamos uma gestão de excelência acadêmica que aprova nos diversos vestibulares das principais universidades e faculdades do país e que eleva a capacidade de cada estudante ser um cidadão-sujeito-construtor de um mundo melhor”, destaca o diretor do colégio, irmão Iranilson Lima.

Com 105 anos de existência, a instituição educacional também destaca a ênfase aos valores sociais - Foto: Divulgação

Com 105 anos de existência, a instituição educacional também destaca a ênfase aos valores sociais – Foto: Divulgação

Os números que acompanham o São Luís impressionam. Hoje, 2.830 estudantes estão matriculados nas turmas de educação infantil ao ensino médio. Nos vestibulares do país, a taxa de aprovação dos alunos do colégio é de 98%. Nos últimos processos seletivos, por exemplo, o colégio registrou 38 aprovações com destaque (entre 1ª e 10ª colocação nos vestibulares). A instituição acumula ainda medalhas em olimpíadas de astronomia, química e biologia.

Receber como premiação a lembrança dos pernambucanos, no prêmio Marcas Preferidas, é mais um triunfo. “Significa que a comunidade recifense reconhece o nível de excelência do Colégio Marista São Luís. Uma instituição educacional centenária que atualiza, sistematicamente, o seu currículo com vistas a atender a integralidade do ser humano na sua essência e a garantir excelentes resultados acadêmicos”, enfatiza.

DOBRADINHA UNIVERSITÁRIA

Grupo Ser Educacional teve duas instituições escolhidas entre as preferidas do público

Jânyo: orgulho de ter 80% dos alunos no mercado de trabalho - Foto: Divulgação

Jânyo: orgulho de ter 80% dos alunos no mercado de trabalho – Foto: Divulgação

A maior rede de faculdades privadas do Nordeste nasceu em Pernambuco e tem duas das instituições de ensino superior preferidas dos pernambucanos. O Centro Universitário Maurício de Nassau (Uninassau) e a Faculdade Joaquim Nabuco, do grupo Ser Educacional, ficaram em primeiro e terceiro lugar, respectivamente, no prêmio Marcas Preferidas, na categoria educação superior, e são as “queridinhas” dos estudantes do estado.

Desde 2003, o grupo vem sendo construído de forma gradual e sustentável. Com projeto e planejamento de expansão, através de crescimento orgânico e de aquisições em âmbito nacional, o grupo Ser Educacional está presente atualmente em 12 estados do Brasil, com 152 mil alunos e 43 unidades. Anualmente, são formados milhares de estudantes que ingressam no mercado de trabalho, contribuindo para o desenvolvimento econômico do país.

A Uninassau – primeiro lugar da categoria no Marcas Preferidas – tem 13 anos de história e se destaca entre as instituições privadas de ensino pelo alto índice de empregabilidade dos alunos egressos. “Hoje, mais de 80% dos alunos da Uninassau estão no mercado de trabalho. Para manter esse índice, temos um Núcleo de Empregabilidade, que mantém parceria com centenas de empresas no estado e que prepara os estudantes para o mercado de trabalho com atividades que ensinam a elaborar um bom currículo ou como se sair bem em entrevistas de emprego e estágio”, explica o diretor-presidente do grupo, Jânyo Diniz.

Na Uninassau, os estudantes encontram mais de 70 opções de cursos de graduação, além de cursos técnicos e pós-graduações. Com quatro campi disponíveis na capital pernambucana – Graças, Boa Viagem, Centro e Centro Superior de Tecnologia (CST) – a instituição conta com quadra poliesportiva, biblioteca central, além de biblioteca em todos os campi, clínica-escola de fisioterapia, psicologia, fonoaudiologia e odontologia e Núcleo de Práticas Jurídicas. Também é possível estudar na Uninassau pelos 22 cursos de ensino a distância nas áreas de humanas, exatas e saúde. Já a Faculdade Joaquim Nabuco teve sua primeira unidade autorizada em 2007, na cidade do Paulista. Hoje, são cinco unidades em funcionamento – Recife, Paulista, Olinda, Janga e São Lourenço da Mata.

Jânyo destaca ainda o compromisso social da instituição como fator que leva ao reconhecimento. “Temos vários cursos e projetos que são referências regionais e nacionais, como o ‘Sorriso Especial’, do curso de odontologia, que nos colocou como referência em atendimento a bebês e crianças com microcefalia. Além disso, somos a instituição que mais investe em esportes, sendo a única instituição do Norte e Nordeste que foi duas vezes campeão dos Jogos Universitários Brasileiros (JUBs), temos 13 alunos e ex-alunos que participaram da Olimpíada do Rio. Tudo isso faz parte do que somos e do que queremos transmitir para a sociedade”.

PREMIADOS

Categoria
Instituição de Ensino Superior Privada Maurício de Nassau Unicap Joaquim Nabuco
Colégio Particular Colégio Salesiano Americano Batista Colégio Marista/São Luís