Números da Ilha do Retiro em 80 anos

Ilha do Retiro 1955 e 2016

Em 4 de julho de 1937, Sport e Santa Cruz disputaram o amistoso inaugural da Ilha do Retiro. A manhã chuvosa no Recife reservou um clássico de onze gols (!), com o leão vencendo por 6 x 5. Autor de quatro tentos, o rubro-negro Artur Danzi teve a honra de marcar o primeiro. Entrou na história. Já o gol da vitória foi de Haroldo Praça, que hoje dá nome à sala de imprensa do estádio.

Durantes décadas, a Ilha também foi utilizada pelos rivais, Náutico e Santa, com algumas de suas principais partidas por lá na condição de mandantes! Daí, as centenas de clássicos e jogos decisivos no estádio, incluindo 28 finais estaduais, com quatro campeões. O local também abrigou um jogo da Copa do Mundo, uma exclusividade na região até 2014, além de finais das principais competições nacionais. Curiosamente, já recebeu até um Fla-Flu, em 1947.

Nesse tempo todo, o Estádio Adelmar da Costa Carvalho passou por inúmeras reformas e ampliações. Apesar da estrutura de concreto intacta, acabou sendo “reduzido” após novas e necessárias normas de segurança. Agora, a Ilha, incólume aos projetos de demolição para uma nova arena, chega aos 80 anos de história. Há tempos, é um dos principais palcos do futebol no país…

Desempenho do Sport no estádio (desde 1937*)
2.136 jogos
1.315 vitórias (61,56%)
468 empates (21,91%)
353 derrotas (16,52%)
* Torneios oficiais e amistosos até 04/072017, via Carlos Celso Cordeiro

28 decisões do Campeonato Pernambucano
Sport (15 títulos) – 1948, 1961, 1962, 1981, 1988, 1991, 1992, 1994, 1996, 1998, 1999, 2000, 2003, 2006 e 2010
Santa (10) – 1940, 1946, 1957, 1971, 1973, 1986, 1987, 2012, 2013 e 2016
Náutico (2) – 1954 e 1965
América (1) – 1944

Finais nacionais de elite
20/12/1967  Náutico 1 x 3 Palmeiras (Taça Brasil, ida)
07/02/1988  Sport 1 x 0 Guarani (Série A, volta*)
26/08/1989  Sport 0 x 0 Grêmio (Copa do Brasil, ida)
11/06/2008 – Sport 2 x 0 Corinthians (Copa do Brasil, volta)

* Jogo válido pela edição de 1987

Jogos internacionais de clubes
10 na Taça Libertadores (1968, 1988 e 2009)
5 na Copa Sul-Americana (2013, 2014, 2015 e 2017)

Copa do Mundo
02/07/1950 – Chile 5 x 2 Estados Unidos

Jogos da Seleção Brasileira
01/04/1956 – Brasil 2 x 0 Seleção Pernambucana
13/07/1969 – Brasil 6 x 1 Seleção Pernambucana

Os 10 maiores públicos
56.875 – Sport 2 x 0 Porto (07/06/1998, Estadual)
53.033 – Sport 0 x 2 Corinthians (12/09/1998, Série A)
50.106 – Sport 4 x 1 Santa Cruz (29/03/1998, Estadual)
48.564 – Sport 1 x 1 Cruzeiro (27/09/1998, Série A)
48.328 – Sport 5 x 0 Grêmio (20/09/1998, Série A)
46.018 – Sport 1 x 1 Grêmio (03/12/2000, Série A)
45.697 – Sport 3 x 0 Náutico (15/12/1991, Estadual)
45.399 – Sport 2 x 1 Botafogo (24/10/1998, Série A)
45.151 – Sport 1 x 0 São Paulo (16/08/1998, Série A)
44.346 – Sport 2 x 0 Santa Cruz (31/07/1988, Estadual)

Evolução da capacidade de público*
1950 – 20.000 lugares
1960 – 36.000 (+16.000), ampliação da cadeira central e da arquibancada
1984 – 45.000 (+9.000), construção da geral e a ampliação da cadeira central
1998 – 50.000 (+5.000), construção da ‘curva especial’ 
2001 – 45.000 (-5.000**)
2005 – 32.500 (-12.500**)
2006 – 30.520 (-1.980**)
2007 – 34.500 (+3.980), construção da ‘curva da ampliação’
2012 – 34.200 (-300**)
2013 – 32.983 (-1.217**)
2015 – 27.435 (-5.548**)
2017 – 29.000 (+1.565), autorização dos bombeiros

* Após as obras para a Copa do Mundo de 1950
** Redução por medida de segurança, por orientação dos bombeiros

10 thoughts on “Números da Ilha do Retiro em 80 anos

  1. Parabéns!! Depois do Arruda, a Casa dos Festejos é o estádio mais querido do Santa Cruz!

  2. Parabéns ao estádio aquático ampliado às pressas com dinheiro do Povo pernambucano, a fim de que Recife sediasse jogos do mundial de 1950.

  3. Em 43 o campeonato foi encerrado devido a guerra, com a desistência do Nautico quem tinha mais pontos levou o título. Então não houve volta olímpica nem jogo decisivo. Outra coisa quem inaugurou a Casa de Festejos foi o Santa o primeiro campeão 1940 kkkk

  4. Complemento do post

    Todas as voltas olímpicas na Ilha (finais e títulos antecipados):

    Brasileiro (Série A)
    Sport – 1987

    Copa do Brasil
    Sport – 2008

    Brasileiro (Série B)
    Sport – 1990

    Torneio Norte-Nordeste
    Sport – 1968

    Copa do Nordeste
    Sport – 2000

    Pernambucano (37)
    Sport (21, com 56%) – 1942, 1943, 1948, 1956, 1958, 1961, 1962, 1981, 1988, 1991, 1992, 1994, 1996, 1998, 1999, 2000, 2003, 2006, 2007, 2008 e 2010
    Santa Cruz (10, com 27%) – 1940, 1946, 1957, 1971, 1973, 1986, 1987, 2012, 2013 e 2016
    Náutico (5, com 13%) – 1945, 1952, 1954, 1964 e 1965
    América (1, com 2%) – 1944

  5. 56.875 – Sport 2 x 0 Porto (07/06/1998, Estadual)
    Meu amigo, esse jogo ficou marcado na minha infância. Não tinha noção que tinha tanta gente. Nunca estive num lugar tão lotado na minha vida. Acho que foi a primeira decisão que vi ao vivo.

  6. ABC X Náutico. Briga difícil para saber quem é pior. Se considerarmos o esquema de Beto Campos com o kamikaze esquema com 3 volantes vai dar ABC e vamos perder mais uma. É só esperar o fim do jogo. Beto Campos fez d esquema dele a arma que o liquidou.

  7. Eh extremamente difícil saber a real capacidade dos estadios em Pernambuco, eu digo real capacidade, aquela com medicoes de engenharia nao essas onde se vendia mais ingressos do a capacidade física e o bordero ficava superfaturado e o torcedor voltando pra casa com o ingresso na mao sem pider entrar, nem a atual onde o clube subfatura os ingressos pra fugir da federacao sangue suga e do fisco. Alem desses fatos tem a megalomania dos dirigentes e dos interesses politicos. Assim fica dificil entender os calculos apresentados em questao.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>