A pedido da CBF, clubes do país analisam rivais da Seleção na Copa. Sport na lista

Os países selecionados pela CBF para que os analistas dos clubes brasileiros. Crédito: CBF

A preparação da Seleção para a Copa do Mundo de 2018, visando o estudo sobre os países adversários, contará com a participação de 19 clubes brasileiros, incluindo os nordestinos Sport, Bahia e Vitória. A partir da ideia do coordenador Edu Gaspar, aprovada pelo técnico Tite, os analistas de desempenho dos clubes da Série A de 2017 – exceção feita ao Flamengo, que não pôde participar – ficarão responsáveis pela análise de 27 países. Das 32 seleções classificadas ao torneio da Rússia, só ficam fora dessa lista os sul-americanos e o próprio Brasil, com dados detalhados pelo Centro de Pesquisa e Análise (CPA) da Confederação Brasileira de Futebol.

A escolha foi feita mediante sorteio, na CBF. No caso do rubro-negro pernambucano, a bolinha trouxe a Sérvia, centro da antiga Iugoslávia, que, mesmo sendo dissolvida durante décadas, esteve em nove Mundiais. Como Sérvia, duas participações: 2010 e 2018. Na eliminatória europeia, os sérvios lideraram o grupo D, obtendo a vaga direta numa chave com Irlanda, Gales e Áustria. Em Salvador, o departamento de análise do Bahia vai se debruçar sobre o Irã! Já o Vitória espera a definição na África, com três possibilidades: Senegal, Burkina Faso e Cabo Verde. Em vários outros casos os clubes ainda dependem das repescagens para definir o país a ser analisado.

Número de países analisados por cada clube
5 – Centro de Análise da CBF
2 – Atlético-PR, Botafogo, Corinthians, Cruzeiro, Grêmio, Palmeiras, São Paulo e Vasco
1 – Atlético-GO, Atlético-MG, Avaí, Bahia, Chapecoense, Coritiba, Fluminense, Ponte Preta, Santos, Sport e Vitória

Classificação da Série A 2017 – 26ª rodada

A classificação da 26ª rodada da Série A de 2017. Crédito: Superesportes

Do G6 ao Z4. O Sport perdeu no Morumbi e chegou a nove jogos sem vitória. Nos pontos corridos, a pior série do clube foi em 2012, quando passou onze rodadas na seca. Acabaria rebaixado na edição. Agora, a sequência derrubou o time da zona de classificação à Libertadores à disputa contra o rebaixamento. Lanterna do returno, o time pernambucano precisou esperar o desfecho da rodada, na “Segunda Campeã”, secando a Ponte diante do Flamengo. Não adiantou muito, com a Macaca vencendo após duas derrotas. Assim deixou o leão na zona, onde havia estado pela última vez na 9ª rodada. Hoje, é mesmo um cenário condizente com o futebol praticado.

Na disputa pelo título, mesmo com apenas uma vitória nos últimos cinco jogos, o Corinthians segue bem à frente, com 8 pontos sobre o vice-líder Santos.

Resultados da 26ª rodada
Bahia 1 x 1 Coritiba
Vasco 1 x 1 Chapecoense
Palmeiras 0 x 1 Santos
Avaí 0 x 2 Atlético-GO
Grêmio 1 x 0 Fluminense
Cruzeiro 1 x 1 Corinthians
Botafogo 2 x 3 Vitória
São Paulo 1 x 0 Sport
Atlético-PR 0 x 2 Atlético-MG
Ponte Preta 1 x 0 Flamengo 

Balanço da 26ª rodada
3V dos mandantes (8 GP), 3E e 4V dos visitantes (11 GP)

Agenda da 27ª rodada
11/10 (19h30) – Atlético-PR x Atlético-GO (Arena da Baixada)
11/10 (19h30) – Botafogo x Chapecoense (Nilton Santos)
11/10 (21h00) – Corinthians x Coritiba (Arena Corinthians)
11/10 (21h45) – Atlético-MG x São Paulo (Independência)
11/10 (21h45) – Grêmio x Cruzeiro (Arena do Grêmio)
11/10 (21h45) – Avaí x Vasco (Ressacada)
12/10 (17h00) – Flamengo x Fluminense (Maracanã)
12/10 (17h00) – Vitória x Sport (Barradão)
12/10 (17h00) – Ponte Preta x Santos (Moisés Lucarelli)
12/10 (21h00) – Palmeiras x Bahia (Pacaembu) 

Histórico de Vitória x Sport na Bahia, pelo Brasileiro (10 jogos)
2 vitórias do Leão da Ilha (1995 e 2014), 2 empates e 6 derrotas

Classificação da Série A 2017 – 21ª rodada

A classificação da Série A 2017 após 21 rodadas. Crédito: Superesportes

O resultados já haviam pressionado o Sport. Na noite de sábado, o Flamengo venceu. Na manhã de domingo, o Atlético-PR empatou em Porto Alegre. Assim, o leão estava obrigado a pontuar no Mineirão para seguir no G6. Entretanto, o rubro-negro perdeu o confronto direto e acabou despencando na classificação, saindo da zona de classificação da Libertadores após seis rodadas. Pior, no complemento da 21ª rodada, o Flu também venceu e empurrou o Sport para o 9º lugar. Foram quatro posições perdidas numa rodada, mostrando o nível de disputa na parte de cima do Brasileirão.

Esta classificação tem um jogo a menos pois uma partida da 19ª rodada foi adiada. Com a Chape disputando o título da Copa Suruga, no Japão, a CBF remarcou o jogo contra o líder para o dia 23 de agosto.

Resultados da 21ª rodada
Corinthians 0 x 1 Vitória
Flamengo 2 x 0 Atlético-GO
Grêmio 0 x 0 Atlético-PR
Ponte Preta 2 x 1 Botafogo
Cruzeiro 2 x 0 Sport
Bahia 3 x 0 Vasco
Avaí 1 x 1 São Paulo
Palmeiras 0 x 2 Chapecoense
Coritiba 0 x 0 Santos
Fluminense 2 x 1 Atlético-MG 

Balanço da 21ª rodada
5V dos mandantes (12 GP), 3E e 2V dos visitantes (6 GP)

Agenda da 22ª rodada
26/08 (16h00) – Fluminense x Vasco (Maracanã)
26/08 (19h00) – Corinthians x Atlético-GO (Arena Corinthians)
27/08 (16h00) – Flamengo x Atlético-PR (Luso Brasileiro)
27/08 (16h00) – Palmeiras x São Paulo (Allianz Parque)
27/08 (16h00) – Bahia x Botafogo (Fonte Nova)
27/08 (16h00) – Ponte Preta x Atlético-MG (Moisés Lucarelli)
27/08 (19h00) – Avaí x Chapecoense (Ressacada)
27/08 (19h00) – Cruzeiro x Santos (Mineirão)
28/08 (20h00) – Coritiba x Vitória (Couto Pereira)
02/09 (16h00) – Grêmio x Sport (Arena do Grêmio) 

Histórico de Grêmio x Sport no RS, pelo Brasileiro (22 jogos)
1 vitória leonina (2016), 4 empates e 17 derrotas

Semifinal da Copa do Brasil de 2017 com clássico carioca e os maiores campeões

Os semifinalistas da Copa do Brasil 2017. Fotos: Vitor Silva/SS Press/Botafogo, Gilvan de Souza/Flamengo, Lucas Uebel/Grêmio e Vinícius Silva/Cruzeiro

O Botafogo foi o único classificado à semifinal da Copa do Brasil de 2017 que precisou reverter a situação no jogo de volta, embora Flamengo e Cruzeiro também tenham sofrido. Derrotada em BH, a estrela solitária aplicou 3 x 0 no Atlético-MG, no Nilton Santos, voltando a ficar entre os quatro melhores do torneio depois de nove anos. Claro, fez valer outra vez o seu bem armado contragolpe. Vice em 1999, o alvinegro tem a companhia, justamente, dos clubes de maior tradição na copa. Grêmio (penta), Cruzeiro (tetra) e Flamengo (tri) encabeçam a lista de semifinais disputadas. Com 34 aparições, o trio representa 29% de todos os semifinalistas desde 1989.

Com a composição do chaveamento, o futebol carioca está assegurado na decisão, através do confronto entre Bota e Fla. O Rio de Janeiro não alcançava a última etapa desde 2013, quando o rubro-negro foi campeão. Do outro lado, um repeteco do último ano, com Grêmio e Cruzeiro. Em 1993, na final, deu o azul de Minas. Em 2016, na semi, deu o azul gaúcho. Os dois mata-matas devem ocorrer entre 16 e 24 de agosto.

Qual será a final da Copa do Brasil de 2017?

  • Flamengo x Grêmio (40%, 819 Votes)
  • Botafogo x Grêmio (31%, 635 Votes)
  • Botafogo x Cruzeiro (15%, 303 Votes)
  • Flamengo x Cruzeiro (14%, 290 Votes)

Total Voters: 2.044

Loading ... Loading ...

Até hoje, 32 clubes já chegaram na semifinal da Copa do Brasil. Do Nordeste, com quatro times envolvidos, foram 2 semifinais com a Bahia, 3 com o Ceará e 5 com Pernambuco, incluindo um título, em 2008. Abaixo, o ranking.

Número de aparições na semi de 1989 a 2017 (títulos entre parênteses)
13 – Grêmio (5)
12 – Flamengo (3)
9 – Cruzeiro (4)
8 – Vasco (1)

7 – Palmeiras (3)
6 – Corinthians (3)
5 – Fluminense (1), Santos (1) e Coritiba
4 – Atlético-MG (1), Internacional (1), Sport (1), Goiás, São Paulo e Botafogo
3 – Ceará
2 – Criciúma (1), Brasiliense e Vitória
1 – Juventude (1), Paulista (1), Santo André (1), Figueirense, Atlético-PR, Náutico, Remo, Linhares, Ponte Preta, 15 de Novembro-RS, Ipatinga, Atlético-GO e Avaí

Pitaco do blog para a decisão da Copa do Brasil: Flamengo x Cruzeiro.

Classificação da Série A 2017 – 16ª rodada

A classificação da 16ª rodada da Série A de 2017. Crédito: Superesportes

Na Arena Pernambuco, com 42 mil pessoas, ocorreu um confronto direto pelo G6. Pior para o mandante, pois o Sport perdeu do Palmeiras e precisou esperar até o último jogo do domingo para saber se continuaria na zona de classificação à Libertadores. O rubro-negro acabou beneficiado pelos tropeços de Cruzeiro e, sobretudo, Botafogo, diante de equipes do Z4. Ao menos por hora, o leão segue lá em cima. Porém, na próxima rodada do Brasileirão terá um algoz. Já são 28 anos desde a única vitória sobre o Baêa em Salvador.

Na disputa pela liderança, o Corinthians se “recuperou” após dois empates. Venceu o Flu no Maracanã e chegou a 40 pontos – abrindo oito de vantagem sobre o Grêmio, que empatou no encerramento da rodada, na segunda-feira. Nunca um time havia alcançado esta campanha tão cedo na competição.

Resultados da 16ª rodada
Vitória 1 x 2 Chapecoense
Flamengo 2 x 1 Coritiba
Santos 3 x 0 Bahia
Fluminense 0 x 1 Corinthians
Sport 0 x 2 Palmeiras
Avaí 1 x 0 Cruzeiro
Atlético-PR 0 x 2 Ponte Preta
Atlético-GO 1 x 1 Botafogo
Atlético-MG 1 x 2 Vasco
São Paulo 1 x 1 Grêmio 

Balanço da 16ª rodada
3V dos mandantes (10 GP), 2E e 5V dos visitantes (12 GP)

Agenda da 17ª rodada
29/07 (16h00) – Botafogo x São Paulo (Nilton Santos)
29/07 (19h00) – Palmeiras x Avaí (Allianz Parque)
30/07 (11h00) – Chapecoense x Atlético-GO (Arena Condá)
30/07 (16h00) – Corinthians x Flamengo (Arena Corinthians)
30/07 (16h00) – Coritiba x Atlético-MG (Couto Pereira)
30/07 (16h00) – Bahia x Sport (Fonte Nova)
30/07 (16h00) – Ponte Preta x Fluminense (Moisés Lucarelli)
30/07 (19h00) – Cruzeiro x Vitória (Mineirão)
30/07 (19h00) – Grêmio x Santos (Arena do Grêmio)
31/07 (20h00) – Vasco x Atlético-PR (São Januário) 

Histórico de Bahia x Sport em Salvador, pelo Brasileiro (12 jogos)
1 vitória leonina (em 1989), 5 empates e 6 derrotas

Classificação da Série A 2017 – 15ª rodada

A classificação da 15ª rodada da Série A de 2017. Crédito: Superesportes

No complemento da 15ª rodada, na quinta, o Sport goleou o Atlético-GO, num jogo com campo encharcado na Ilha, e voltou à 5ª colocação do Brasileirão. Com isso, o jogo de domingo, em São Lourenço, vira um confronto de G6, com expectativa de 40 mil torcedores. Em jogos de clubes, esse montante não é alcançado lá desde 2015, com 41.994 pessoas em Sport 2 x 0 São Paulo.

Na briga pela pela liderança, o Corinthians (único invicto) voltou a empatar. Como o Grêmio venceu fora de casa, reduziu novamente a diferença. Em duas rodadas, caiu 10 para 6 pontos. Temos um “campeonato”?

Resultados da 15ª rodada
Santos 1 x 0 Chapecoense
Vitória 1 x 3 Grêmio
Ponte Preta 4 x 0 Coritiba
Avaí 0 x 0 Corinthians
Flamengo 2 x 2 Palmeiras
São Paulo 1 x 0 Vasco
Atlético-MG 0 x 2 Bahia
Fluminense 1 x 1 Cruzeiro
Sport 4 x 0 Atlético-GO
Atlético-PR 0 x 0 Botafogo 

Balanço da 15ª rodada
4V dos mandantes (14 GP), 4E e 2V dos visitantes (8 GP)

Agenda da 16ª rodada
22/07 (16h00) – Vitória x Chapecoense (Barradão)
22/07 (19h00) – Flamengo x Coritiba (Luso Brasileiro)
23/07 (11h00) – Santos x Bahia (Pacaembu)
23/07 (16h00) – Fluminense x Corinthians (Maracanã)
23/07 (16h00) – Sport x Palmeiras (Arena Pernambuco)
23/07 (16h00) – Avaí x Cruzeiro (Ressacada)
23/07 (19h00) – Atlético-PR x Ponte Preta (Arena da Baixada)
23/07 (19h00) – Atlético-GO x Botafogo (Olímpico)
23/07 (19h00) – Atlético-MG x Vasco (Independência)
24/07 (20h00) – São Paulo x Grêmio (Morumbi) 

Histórico de Sport x Palmeiras no Recife, pelo Brasileiro (19 jogos)
6 vitórias leoninas, 5 empates e 8 derrotas

Classificação da Série A 2017 – 14ª rodada

A classificação da 14ª rodada da Série A de 2017. Crédito: Superesportes

Pela segunda semana seguida, o leão encerrou a rodada do Brasileirão na segunda-feira, a “Segunda Campeão” do SporTV. No Rio, o clube estava por três colocações: 3º (vitória), 6º (empate) e 8º (derrota). E num jogo parelho, o cenário estava bem incerto até o intervalo. Entretanto, com a queda de produção no segundo tempo, o Sport perdeu do Botafogo e caiu na tabela.

Na briga pela liderança, finalmente um tropeço do Timão, que não saiu de um empate jogando em casa, no sábado. Com isso, o tricolor gaúcho aproveitou a chance no dia seguinte, reduzindo a distância de 10 para 8 pontos. Ainda assim, um hiato confortável para o alvinegro paulista.

Resultados da 14ª rodada
Corinthians 2 x 2 Atlético-PR
Palmeiras 4 x 2 Vitória
Cruzeiro 1 x 1 Flamengo
Chapecoense 2 x 0 São Paulo
Vasco 0 x 0 Santos
Atlético-GO 1 x 2 Atlético-MG
Grêmio 3 x 1 Ponte Preta
Bahia 1 x 1 Avaí
Coritiba 1 x 2 Fluminense
Botafogo 2 x 1 Sport 

Balanço da 14ª rodada
4V dos mandantes (17 GP), 4E e 2V dos visitantes (12 GP)

Agenda da 15ª rodada
19/07 (19h30) – Vitória x Grêmio (Barradão)
19/07 (19h30) – Santos x Chapecoense (Vila Belmiro)
19/07 (21h00) – Avaí x Corinthians (Ressacada)
19/07 (21h00) – Ponte Preta x Coritiba (Moisés Lucarelli)
19/07 (21h45) – Flamengo x Palmeiras (Luso Brasileiro)
19/07 (21h45) – São Paulo x Vasco (Morumbi)
19/07 (21h45) – Atlético-MG x Bahia (Independência)
20/07 (19h30) – Fluminense x Cruzeiro (Giulite Coutinho)
20/07 (20h00) – Sport x Atlético-GO (Ilha do Retiro)
20/07 (21h00) – Atlético-PR x Botafogo (Arena da Baixada) 

Histórico de Sport x Atlético-GO no Recife, pelo Brasileiro
1 jogo e 1 empate (0 x 0 em 2012)

Sport perde do Botafogo no Rio, pela 2ª vez em 2017, e cai para 8º lugar na Série A

Série A 2017, 14ª rodada: Sport 2 x 1 Botafogo. Foto: Luciano Belford/AGIF/Estadão conteúdo

Nas oitavas de final da Copa do Brasil, no Rio, o Sport jogou melhor a maior parte do tempo. Abriu o placar e o adversário ainda teve um jogador expulso. Porém, diante de um time tarimbado nos contragolpes, o leão conseguiu perder de virada em dois lances do tipo. Ficou o aprendizado, com o resultado não revertido no Recife, justamente na estreia de Vanderlei Luxemburgo.

É verdade que, 47 dias depois, qualquer estratégia caiu com 1 minuto, com o gol de Lindoso após cobrança da falta – cometida irresponsavelmente por Samuel Xavier, aos 9 segundos. À parte de discussões acerca de legalidade, pois Roger, que participou do lance, estava impedido, o Sport empatou rapidamente, aos 8 minutos, com Rithely pegando um rebote de Jefferson. Com a igualdade, o leão trabalhou bem a bola no primeiro tempo. Teve mais posse (57%), mas não se expôs. Rodou bastante o jogo, sem pressa para tentar a virada – afinal, o empate já mantinha o clube no G6. E teve uma grande chance, bem construída, com Everton Felipe cruzando rasteiro, Diego Souza fazendo o corta-luz e André batendo firme, rente à trave.

Série A 2017, 14ª rodada: Sport 2 x 1 Botafogo. Foto: Rafael Teixeira‏/twitter (@rafaelwteixeira)

No intervalo, talvez animado pelo bom desempenho, Luxa acionou Lenis no lugar de Mena, outra vez como ponta. Buscava mais profundidade. A princípio, pareceu arriscado, por mexer na estrutura e pela escolha, uma vez que Rogério entrara bem no jogo passado. E o colombiano, de histórico irregular, foi muito mal. Nem deu sequência ofensiva e comprometeu na recomposição. Acabou, como consequência, isolando André, com DS87 com marcação dobrada e os volantes (Rithely e Patrick) errando bastante na saída de bola.

Ainda assim, repito, o empate era interessante. Num confronto direto pela zona da Liberta, ao menos nesta rodada, cabia ao Sport fechar o espaço e tentar controlar o ritmo, mas o time voltou abaixo e sem jogar por baixo. Esticou demais. E acabou tomando o segundo aos 27, num trama rápida do Bota, com Roger fazendo bem o pivô e rolando para Guilherme. Algoz na copa nacional, quando marcou duas vezes, no mesmo Nilton Santos, o jogador bateu cruzado, com Agenor mal posicionado. Fogão 2 x 1, de novo. Quebrou a sequência de quatro vitórias na Série A e derrubou o leão para a 8ª posição.

Botafogo x Sport no Rio de Janeiro, pelo Brasileiro
8 vitórias do Fogão
3 empates
1 vitória do Leão (em 1994)

Série A 2017, 14ª rodada: Sport 2 x 1 Botafogo. Foto: Botafogo/twitter (@BotafogoOficial)

Classificação da Série A 2017 – 13ª rodada

A classificação da 13ª rodada da Série A de 2017. Crédito: Superesportes

Desde a formatação da Série A com 20 clubes e pontos corridos, em 2006, a 13ª rodada de 2017 foi a que registrou o maior número de visitas indigestas. Dos dez jogos, oito terminaram com três pontos para os visitantes. Apenas um venceu, justamente em São Lourenço, com o Sport goleando a Chapecoense. Com o resultado, o time pernambucano subiu mais um degrau na tabela, passando do 6º para o 5º lugar. Ascensão meteórica através das quatro vitórias consecutivas (maior marca desde 2000), saindo do Z4 para o G6.

Na ponta, o Corinthians segue ampliando a vantagem. Ao ganhar no Allianz Parque, repleto só por palmeirenses, o Timão abriu dez (!) pontos sobre o vice-líder, graças ao confronto entre Fla e Grêmio. Quem vai impedir o hepta?

Resultados da 13ª rodada
Atlético-MG 0 x 1 Santos
Ponte Preta 0 x 3 Bahia
Fluminense 0 x 1 Botafogo
Vitória 1 x 4 Vasco
Atlético-PR 0 x 2 Cruzeiro
Palmeiras 0 x 2 Corinthians
Flamengo 0 x 1 Grêmio
São Paulo 2 x 2 Atlético-GO
Sport 3 x 0 Chapecoense
Avaí 1 x 4 Coritiba 

Balanço da 13ª rodada
1V dos mandantes (7 GP), 1E e 8V dos visitantes (20 GP)

Agenda da 14ª rodada
15/07 (19h00) – Corinthians x Atlético-PR (Arena Corinthians)
16/07 (11h00) – Palmeiras x Vitória (Allianz Parque)
16/07 (16h00) – Cruzeiro x Flamengo (Mineirão)
16/07 (16h00) – Chapecoense x São Paulo (Arena Condá)
16/07 (16h00) – Vasco x Santos (Nilton Santos)
16/07 (16h00) – Atlético-GO x Atlético-MG (Olímpico)
16/07 (16h00) – Grêmio x Ponte Preta (Arena do Grêmio)
16/07 (19h00) – Bahia x Avaí (Pituaçu)
16/07 (19h00) – Coritiba x Fluminense (Couto Pereira)
17/07 (20h00) – Botafogo x Sport (Nilton Santos) 

Histórico de Botafogo x Sport no Rio*, pelo Brasileiro (11 jogos)
1 vitória leonina (em 1994), 3 empates e 7 derrotas
* Um jogo com mando carioca, contabilizado, ocorreu em Juiz de Fora-MG

O racha entre os 16 fundadores da Liga do Nordeste, exposto via notas oficiais

O racha entre os fundadores da Luga do Nordeste. Arte: Cassio Zirpoli/DP

No dia seguinte à desfiliação de Sport e Náutico da Liga do Nordeste, 11 fundadores se manifestaram a favor da associação, mantendo o formato deliberado para a Copa do Nordeste de 2018, com fase preliminar, 16 clubes na fase principal e os recursos originais de participação. Anúncios feitos através das notas oficiais de Bahia, que divulgou o entendimento de outros nove times, e Vitória. Entretanto, três clubes não se manifestaram. Dois deles, Sergipe e Fortaleza, sequer se classificaram à próxima edição do regional, num indício de agendas livres, sujeitas a convites. Já o terceiro clube pode ser o personagem realmente decisivo neste imbróglio, na visão do blog.

Assegurado na pré, o Santa pode herdar a vaga na fase de grupos com a desistência leonina. Por outro lado, caso também saia da liga – e a decisão coral será tomada no Conselho Deliberativo – , o Nordestão perderia o mercado pernambucano, concentrado no Grande Recife, cenário das maiores audiências na tevê aberta. Em 2017, três jogos passaram de 1 milhão de telespectadores, as duas finais e a volta do Clássico das Multidões pela semi.

Obviamente, nenhum patrocinador (nem detentor dos direitos de TV) relevaria a saída dos clubes mais populares do estado. E o exemplo vem de uma das maiores fontes de captação. No sinal aberto, os jogos são sublicenciados pelo Esporte Interativo à Rede Globo. Sem o Recife, essa verba ficaria em xeque – e parece claro o duelo entre os dos canais, cujos clubes à frente já têm contratos assinados no Brasileiro 2019, Sport (Globo) e Bahia (EI). Até que saia a escolha coral, o quebra-cabeças está formado na Associação dos Clubes de Futebol do Nordeste (ACFN), fundada em 30 de outubro de 2000. Com 16 fundadores, a liga mais tradicional do país vive o seu maior racha…

Atualização em 05/07: o Fortaleza também emitiu nota de apoio à liga.

Fundadores favoráveis à continuidade da Copa do Nordeste*
ABC, Bahia, Botafogo-PB, Ceará, Confiança, CRB, CSA, Fluminense de Feira, Treze e Vitória, América-RN e Fortaleza (este, dois dias depois)
* Seguindo a decisão da assembleia geral, ocorrida em 24 de março

Fundadores que se desfiliaram da Liga do Nordeste
Náutico e Sport

Fundadores que ainda não se posicionaram
Sergipe e Santa Cruz

Os demais clubes da região com histórico na Lampions, como Campinense (campeão em 2013), Sampaio Corrêa e Salgueiro (vice estadual e classificado para 2018), são considerados “ouvintes” nas reuniões da liga. Neste embate, devem virar alvos dos subgrupos. Tendo que optar entre a consolidação do Nordestão e a promessa de mais receita a curto prazo em outro torneio.

Qual deveria ser a posição do seu clube? Opine.

Cota absoluta de participação no Nordestão
2013 – R$ 5,6 milhões
2014 – R$ 10,0 milhões (+78%)
2015 – R$ 11,1 milhões (+11%)
2016 – R$ 14,8 milhões (+33%)
2017 – R$ 18,5 milhões (+25%)
2018 – R$ 23,0 milhões* (+24%)
* Previsão