Brasil sofre a sua maior goleada em 100 anos e Alemanha toma recorde do Uruguai

Copa do Mundo 2014, semifinal: Brasil 1x7 Alemanha. Foto: Jefferson Bernardes/VIPCOMM

A blitz germânica sobre a Seleção Brasileira com 7 a 1 em pleno Mineirão foi o maior placar em uma semifinal de Copa do Mundo em todos os tempos. Até hoje, o recorde era da pioneira edição em 1930, com Argentina e Uruguai massacrando Estados Unidos e Iugoslávia por 6 a 1, respectivamente. No entanto, essa goleada sofrida pelo time verde e amarelo em 2014, em casa, foi bem além. A derrota foi a pior da centenária história do futebol da Canarinha.

A marca anterior, de 6 a 0, durava 94 anos. Em 1920, o Brasil, basicamente uma convocação carioca com o reforço do atacante Alvarizza, do Brasil de Pelotas, havia vencido o anfitrião Chile na estreia do Sul-Americano. No dia do confronto contra o Uruguai em Viña del Mar, no litoral chileno, o time – que ainda vestia um uniforme branco – entrou como líder, pois o clássico platense havia terminado empatado. Ledo engano. O Uruguai, ainda sem os títulos olímpicos, passou por cima. Goleou com três gols em cada tempo. No primeiro tempo, uma semelhança com o desastre em Belo Horizonte.

Nesta terça-feira, o time de Felipão sofreu quatro gols da Alemanha dos 23 aos 29 minutos. Há quase século, foram três gols uruguaios dos 23 aos 29. No fim daquela competição continental, o Uruguai terminou com o título, enquanto o Brasil foi o 3º lugar. Catorze anos depois, outra grande derrota da Seleção, em Belgrado, quando a antiga Iugoslávia venceu por 8 a 4, na maior quantidade de gols já sofrida pelo país em uma só partida – recorde que Mesut Özil chutou para fora a chance de igualar aos 44 minutos do segundo tempo.

Aquele amistoso ocorreu seis dias depois da eliminação brasileira no Mundial de 1934, na Itália. Na volta da delegação ao país, de navio, a equipe chegou a ser derrotada pelo Santa Cruz por 3 a 2 no antigo Campo da Avenida Malaquias, no Recife. Não há qualquer registo audiovisual dessas antigadas goleadas, ao contrário do Mineirazo na semifinal da Copa de 2014, exibida em alta definição para 200 países. Será simplesmente impossível esquecer.

Maior goleada da história da Seleção (em casa e em um Mundial)
08/07/2014 Brasil 1 x 7 Alemanha

Maior goleada sofrida em um Sul-Americano
18/09/1920 Uruguai 6 x 0 Brasil

Maior quantidade de gols sofrida
03/06/1934 Iugoslávia 8 x 4 Brasil (amistoso)

Jogadores do Uruguai no Sul-Americano, 1920, quando venceram o Brasil por 6 a 0. Crédito: AUF/divulgação

2 Replies to “Brasil sofre a sua maior goleada em 100 anos e Alemanha toma recorde do Uruguai”

  1. EASN: estas esquecendo que temos eliminatórias no ano que vem,ou 2016.com esse time é repescagem se não,fora da copa!

  2. O fato é que esse resultado não foi por acaso. Em 2000, a Alemanha teve uma eliminação humilhante na Eurocopa, após empatar com a Romênia e perder para Inglaterra e Portugal, essa última por 3 x 0. Os Alemães aprenderam com os erros e hoje estão em mais uma final de Copa do Mundo. O Brasil certamente não aprenderá nada, com a humilhação de hoje. Passará 4 anos fazendo jogos caça níquel no Qatar, Indonésia e etc. Colocará alguns talentos, que certamente aparecerão daqui pra 2018, no elenco e continuará vivendo de oba-oba, achando que é o país do futebol, que a camisa da seleção vai resolver. Parabéns a Alemanha, que com humildade e trabalho sério venceu a seleção do oba -oba, que achava que seria campeã de qualquer modo pelo fato de jogar no Brasil.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*