A nova capacidade de público dos Aflitos: 19.600 lugares, com redução de 3,2 mil

Projeto dos Aflitos em 2018. Foto: João Araújo/twitter (@JOAOARAUJ0)

O estádio dos Aflitos vem passando por uma reforma estrutural em diversos setores, como gramado, vestiários, bancos de reservas e, naturalmente, arquibancadas. Na requalificação dos assentos, com a retirada de todas as antigas cadeiras metálicas e a abertura de novos portões de acesso, o Eládio de Barros Carvalho terá a sua capacidade máxima reduzida em 14%.

Segundo a versão mais recente do cadastro nacional de estádios da CBF, o estádio timbu poderia receber até 22.856 pessoas. Com a reforma, incluindo uma nova setorização, o local poderá abrigar até 19.600 espectadores, em cinco setores distintos, segundo o gráfico da empresa responsável pelo projeto (no fim do post) – a imagem traz, também, o número de banheiros disponíveis em cada área, para homens e mulheres. Logo, a redução é de 3.256 lugares. Na área coberta, anteriormente dividida entre cadeiras cativas e sociais, agora será um setor completo com cadeiras vermelhas, totalizando 3,7 mil. Ao redor de todo o campo, um alambrado de acrílico de 1,5 metro.

Projeto dos Aflitos em 2018. Foto: João Araújo/twitter (@JOAOARAUJ0)

Projeto dos Aflitos em 2018. Foto: João Araújo/twitter (@JOAOARAUJ0)

Os valores sobre a reforma costumam variar, mas estima-se um investimento de R$ 5 milhões para reabrir o estádio a R$ 7 milhões para cumprir todos os pontos elaborados no projeto, encomendado ao escritório do arquiteto Múcio Jucá. Parte do recursos virá da campanha “Voltando pra casa”, com ações voltadas à torcida, como participação na colocação no gramado, produtos licenciados sobre o projeto e até mesmo uma cadeira antiga de recordação.

O prazo de reabertura do estádio se mantém em abril de 2018, na Série C.

Náutico nos Aflitos* (1917-2018)
1.768 jogos
1.138 vitórias
336 empates
294 derrotas
* Competições oficiais e amistosos

Projeto dos Aflitos em 2018. Foto: João Araújo/twitter (@JOAOARAUJ0)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>