Com reservas, Náutico vence o Flamengo na arena e já garante mando nas quartas

Pernambucano 2018, 9ª rodada: Náutico 1 x 0 Flamengo de Arcoverde. Foto: Léo Lemos/Náutico

Diante do Flamengo de Arcoverde, na arena, o Náutico disputou a sua 16ª partida na temporada, sendo 9 no Estadual, 5 no Nordestão e 2 na Copa do Brasil. Agenda num ritmo frenético. Comparando com os maiores rivais, por exemplo, são cinco jogos a mais que o Santa Cruz e seis à frente do Sport. Com o elenco enxuto, o técnico Roberto Fernandes vem utilizando um “expressinho”, que, de forma surpreendente, vem dando conta do recado. Entre as formações com mais reservas que titulares, em São Lourenço, foram três apresentações e três vitórias, sobre Salgueiro, Afogados e Fla, 1 x 0.

A 5ª vitória no Campeonato Pernambucano, que valeu a manutenção da liderança, foi alcançada com méritos. O alvirrubro jogou melhor, sobretudo o atacante Robinho, com uma grande arrancada no primeiro tempo (quase fez um golaço), outra boa finalização na segunda etapa e o cruzamento para o solitário gol de Odilávio – que substituiu o inoperante Daniel Bueno.

Pernambucano 2018, 9ª rodada: Náutico 1 x 0 Flamengo de Arcoverde. Foto: Ricardo Fernandes/DP

Com o resultado, o timbu já garantiu a disputa das quartas de final do Estadual como mandante – a fase será em jogo único. Agora, lutará para também assegurar a vantagem numa possível semi, com o mesmo formato. Por fim, vale destacar que era mesmo preciso descansar as principais peças, uma vez que na quarta-feira, num intervalo inferior a 48 horas, o time inicia o confronto contra o Cuiabá-MT, pela terceira fase da Copa do Brasil, valendo uma cota de R$ 1,8 milhão – prioridade para o clube visando a saúde financeira na Série C.

Os 5 confrontos na história (todos pelo Estadual)
13/04/1997 – Flamengo 1 x 3 Náutico (Arcoverde)
14/05/1997 – Náutico 0 x 1 Flamengo (Aflitos)
22/05/1998 – Flamengo 1 x 1 Náutico (Arcoverde)
22/02/1999 – Náutico 3 x 0 Flamengo (Aflitos)
26/02/2018 – Náutico 1 x 0 Flamengo (Arena PE)

Retrospecto: 3 vitórias do Náutico, 1 empate e 1 vitória do Fla

Pernambucano 2018, 9ª rodada: Náutico 1 x 0 Flamengo de Arcoverde. Foto: Ricardo Fernandes/DP

O curto prazo para o Sport decidir se joga ou não o Nordestão 2019. Sem resposta

Sport na Copa do Nordeste de 2019? Arte: Cassio Zirpoli/DP, via pixlr.com

A composição dos três representantes pernambucanos no Nordestão de 2019 será definida após a final do campeonato estadual, programada para 8 de abril de 2018. Entre os demais estaduais da região, apenas um não terminará nesta data. A exceção fica por conta do piauiense, com a final agendada para o dia 14. Além do cumprimento ao calendário do futebol nacional, há outro ponto importante: a seletiva da próxima Lampions, que começará dez dias depois (ou quatro para o representante do Piauí). É isso mesmo, a preliminar começará bem antes do fim o regional de 2018, que ainda estará nas quartas de final. São oito times, com o estado do Ceará sendo o único ausente na etapa, pois os seus dois classificados já estreiam na fase de grupos.

Vagas na seletiva da Copa do Nordeste:
AL – melhor rankeado, à parte do campeão estadual
BA – segundo melhor rankeado, à pare do campeão estadual
MA – melhor rankeado, à parte do campeão estadual
PB – melhor rankeado, à parte do campeão estadual
PE – segundo melhor rankeado, à pare do campeão estadual
PI – melhor rankeado, à parte do campeão estadual
RN – melhor rankeado, à parte do campeão estadual
SE – melhor rankeado, à parte do campeão estadual

No cenário local, a definição passa pela escolha do Sport. Explica-se: o clube é o melhor rankeado de PE e, por isso, já está no Nordestão 2019, inclusive à fase de grupos. Ocorre que mesmo classificado à última edição, na ocasião como campeão pernambucano, o leão desistiu de participar do regional de 2018. Como o pedido junto à CBF é anual, a direção rubro-negra teria que protocolar uma nova desistência. Fará? Pois isso afeta diretamente a lista da FPF, com outros dez candidatos – não por acaso, o Náutico, que ficara de fora, obteve a vaga em 2018 justamente na seletiva. Em 17 de fevereiro, após a eliminação na 2ª fase da Copa do Brasil, o presidente do Sport, Arnaldo Barros, afirmou o seguinte ao ser questionado se havia se arrependido da saída da Lampions (pois o clube só ficou com o Estadual e o Brasileiro):

“Arrependimento nenhum de ter largado a Copa do Nordeste. Para se ter ideia, em dois jogos disputados da Copa do Brasil ganhamos quase a mesma coisa da Copa do Nordeste inteira em 14 jogos. Ninguém tem bola de cristal. Se tivesse que tomar a mesma decisão (sobre a saída), tomaria de novo”

Pela desistência, o clube abriu mão de R$ 1 milhão pela fase de grupos.

A partir deste post, faltam 41 dias para a final estadual. Na prática, porém, o prazo leonino é bem menor, pois precisa protocolar num dia útil, com a resposta saindo também num dia útil – e a final local será num domingo. Fora o período de análise. Em 2017, o Sport formalizou a desistência em 30 de junho, junto à Liga do Nordeste, com a resposta da CBF saindo apenas em 7 de agosto, 38 dias depois. Sobre o novo impasse, o blog entrou em contato com o Sport, em busca do posicionamento do presidente. Através da assessoria, Arnaldo Barros comunicou que ‘não quer falar sobre o assunto’.

Sobre o posicionamento do mandatário:
1) Já ficou claro que Arnaldo manteria a sua decisão, considerando que o Nordestão não terá mudança estrutural alguma no próximo ano

2) O mandato de Arnaldo Barros acaba em dezembro de 2018. Logo, a sua decisão seria aplicada já no início do próximo biênio executivo (2019/2020)

Prazos:
06/04 – Último dia útil antes da decisão do Pernambucano de 2018
08/04 – O jogo de volta da decisão do Pernambucano de 2018
18/04 – O jogo de ida da seletiva da Copa do Nordeste de 2019
26/04 – O jogo de volta da seletiva da Copa do Nordeste de 2019

Rubro-negro, qual é a sua opinião sobre a presença do Sport no Nordestão de 2019?

  • Deve participar (76%, 1.383 Votes)
  • Não deve participar (21%, 378 Votes)
  • Em dúvida (3%, 65 Votes)

Total Voters: 1.826

Loading ... Loading ...