Acervo de Carlos Celso: a história do Santa Cruz em números desde 1914

Números do Santa Cruz. Arte: Maria Eugênia Nunes/DP

Do pátio da Igreja de Santa Cruz, a diversão de alguns meninos tornou-se o amor de muita gente. Nesses cem anos de futebol, já defenderam a camisa de três cores vários dos melhores jogadores do estado, como Tará, Givanildo, Nunes, Fumanchu, Ricardo Rocha, Zé do Carmo e Tiago Cardoso. Boa parte deles brilhando no Mundão, criado para abrigar o povo. Mergulhando no acervo de Carlos Celso Cordeiro, vamos a um apanhado de números que dão consistência à história do Santa, com o retrospecto geral do clube no Campeonato Pernambucano, no Brasileirão e na Copa do Brasil, o rendimento coral atuando no Arruda, os maiores artilheiros, quem mais vestiu a camisa tricolor e os maiores públicos.

Primeiro jogo: Santa Cruz 7 x 0 Rio Negro, em 08/03/1914, no Derby.

Confira também as estatísticas de Náutico e Sport.

Dados atualizados até 25 de janeiro de 2016

Estadual 1915-2015 (ranking: 2º)
2.223 jogos (4.856 GP, 2.239 GC, +2.617)
1.318 vitórias (59,28%)
429 empates (19,29%)
476 derrotas (21,41%)
101 participações
28 títulos (entre 1931 e 2015)

Série A 1971-2015 (ranking: 26º)
447 jogos (536 GP, 619 GC, -83)
137 vitórias (30,64%)
144 empates (32,21%)
166 derrotas (37,13%)
20 participações
4º lugar em 1975

Copa do Brasil 1989-2015
78 jogos (105 GP e 101 GC, +4)
32 vitórias (41,02%)
16 empates (20,51%)
30 derrotas (38,46%)
21 participações
Oitavas em 7 oportunidades

Histórico em decisões no Estadual
Santa Cruz 11 x 12 Sport*
Santa Cruz 7 x 9 Náutico
*O Tricolor leva vantagem em finais na Ilha (8 x 6)

Santa Cruz no Arruda (1967/2016)
1.431 jogos
864 vitórias (60,37%)
336 empates (23,48%)
231 derrotas (16,14%)

Maiores artilheiros
207 gols – Tará
174 gols – Luciano Veloso
148 gols – Ramon
143 gols – Betinho
123 gols – Fernando Santana

Quem mais atuou
Givanildo Oliveira – 599 jogos

Clássico das Multidões
544 jogos
164 vitórias do Santa
153 empates
227 vitórias do Sport

Clássico das Emoções*
507 jogos
197 vitórias do Santa
146 empates
163 vitórias do Náutico
*O jogo ocorrido em 29 de março de 1931, durante a final do Torneio Abrigo Terezinha de Jesus, possui resultado desconhecido.

Maiores públicos
Clássico
78.391 – Santa Cruz 1 x 1 Sport, no Arruda (Estadual 21/02/1999) 

Outros adversários (torcida única)
65.023 – Santa Cruz 2 x 1 Portuguesa, no Arruda (Série B, 26/11/2005)

6 thoughts on “Acervo de Carlos Celso: a história do Santa Cruz em números desde 1914

  1. Tirei print desses números, e vou passar para um papel para continuar a preencher as estatísticas a partir desse ano.

  2. GANHOU NADA EM TERMOS NACIONAIS. Portanto, está classificado como CLUBE PEQUENO DO FUTEBOL BRASILEIRO. Para fazer parte dos GIGANTES, pelo menos um TÍTULO NACIONAL. Tem um de TERCEIRA DIVISÃO, o que bem caracteriza seu estágio atual de CLUBE PEQUENO. O resto, é FOLCLORITO. Cacilda! VAI CRESCER, Ô INSIGNIFICANTE! Puts! PELO GIGANTE NACIONAL, O MAIOR CLUBE E DE MAIOR TORCIDA DO NORTE E NORDESTE BRASILEIROS, ÚNICO CAMPEÃO BRASILEIRO DE 1987, com o framedito como detentor da TAÇA DAS BOLINHAS DE ISOPOR, UMA RAZÃO PARA VIVER, TUDO!!!

  3. Muito obrigado por divulgar esses numeros. gosto muito de historia e futebol.
    Pena que os jovens da minha idade so gosta do chelsea e assiste desimpedidos e esquecem da historia rica do nosso futebol

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>