Sport e Santa Cruz empatam na Ilha e voltam a se encontrar nas quartas de final

Pernambucano 2018, 11ª rodada: Sport x Santa Cruz. Foto: Williams Aguiar/Sport Club do Recife

O apito final de Péricles Bassols selou o agendamento de outro Clássico das Multidões pelo Estadual. As combinações na última rodada possibilitavam um duelo entre Sport e Santa como 1º x 8º, 2º x 7º e 3º x 6º. Entre os resultados com o clássico, valeu a última composição, devido ao empate em 1 x 1 arrancado pelos corais na Ilha do Retiro. Embora o Sport tenha tido mais posse e tenha finalizado mais, o Santa foi letal na grande chance que teve.

Sem contar com André e Rithely, em negociações, Nelsinho também não utilizou Anselmo. Neste caso, porque o volante estava pendurado com dois amarelos. Assim, o técnico leonino montou um meio-campo de pouca pegada, com Pedro Castro, Marlone e Neto Moura – que seria o melhor dos três, distribuindo a bola. No Santa, Júnior Rocha contou com a volta de duas peças importantes, o goleiro Machowski e o lateral Vítor. E o tricolor começou como se imaginava, mais retraído, esperando o erro de um time que erra bastante. Que o diga o atacante Índio, substituído com 22 minutos. Ao menos a troca deu certo, pois Thomás precisou três minutos para bater de fora na área e marcar um golaço. O leão ainda teria outras duas boas chances. Não ampliou e tomou o bote da cobra, com Fabinho Alves marcando após receber um lindo passe de calcanhar de Héricles. Igualou um jogo que não estava igual.

Pernambucano 2018, 11ª rodada: Sport x Santa Cruz. Foto: Williams Aguiar/Sport Club do Recife

No segundo tempo, o ritmo caiu, mesmo com o Sport chegando duas vezes com perigo. Enquanto isso, o Santa esperou por um contragolpe que de fato não foi armado. Até teve chance, mas errou demais na saída de bola, terminando o jogo com um ferrolho e valorizando o placar. A partida registrou o maior público da competição. Nada do outro mundo, mas os 13.218 torcedores dobraram a marca anterior – de 6.015 no Clássico das Emoções. No entanto, a noite foi marcada por cenas de aflição numa confusão na geral do placar, local da torcida visitante, após ação excessiva da PM. Cerca de 60 tricolores foram atendidos em ambulâncias na beira do campo. As massas voltam a campo em breve. Tomara, para um jogo melhor e mais seguro.

Sport x Santa Cruz na Ilha do Retiro
270 jogos
122 vitórias rubro-negras (45,1%)
72 empates (26,6%)
76 vitórias tricolores (28,1%)

Geral: 557 jogos, 231V do Sport, 159E e 167V do Santa

Pernambucano 2018, 11ª rodada: Sport x Santa Cruz. Foto: Williams Aguiar/Sport Club do Recife

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>