Sindicato dos bancários alerta: 138 assaltos a instituições financeiras este ano

A violência não está dando trégua em Pernambuco. Crimes de homicídios e assaltos a ônibus já assustam a população pelos altos números registrados da Região Metropolitana ao Sertão do estado. Para completar os números negativos, o Sindicato dos Bancários divulgou nesta quarta-feira que 138 ocorrências de investidas contra instituições financeiras foram registradas do início do ano até a noite dessa terça-feira. Os assaltos, roubos, arrombamentos e explosões em bancos, casas lotéricas, agências dos Correios e carros-fortes aconteceram em 77 municípios pernambucanos.

Números foram revelados nesta quarta-feira. Foto: Wagner Oliveira/DP

O levantamento feito pelo sindicato aponta os cinco municípios de maior incidência: Recife, com 24 casos, Cabo de Santo Agostinho e Olinda, com cinco casos e Caruaru e Ipojuca, com quatro ocorrências. No recorte por macroregião, a Região Metropilitana do Recife (RMR) lidera o número de casos, com 47 ocorrências, o equivalente a 34,1%, sendo o Recife a cidade mais atacada.

Na segunda posição ficou o Agreste, com 40 casos ou 29%, tendo as cidades de Caruaru e São Vicente Férrer, com quatro casos. Em terceiro lugar ficou a Zona da Mata, com 22 ocorrências, o que equivale a 15,9%, tendo Lagoa do Carro como município maos afetado. A quarta posição foi para o Sertão, que registrou 29 casos, ou 21% do total e a cidade de Itapedim foi a mais vitimizada, com quatro ocorrências. “Precisamos mostrar esses números ao governo do estado e a Secretaria de Defesa Social (SDS) precisa tomar providências para reduzir esses números”, declarou a presidente do sindicato, Suzineide Rodrigues.

Leia mais sobre o assunto em:

Cidades seguem reféns de ataques a bancos no interior de Pernambuco

Os comentários estão fechados.