Morte de promotor completa um mês nesta quinta-feira

Thiago Faria foi executado dentro do próprio carro. Foto: Anônimo

Thiago Faria foi executado dentro do próprio carro. Foto: Anônimo

Amanhã faz um mês que o promotor Thiago Faria Soares, 36 anos, foi assassinado com vários tiros de espingarda calibre 12, no município de Águas Belas, no Agreste do estado. De lá para cá, uma pessoa foi presa apontada com o executor do crime e outra continua sendo procurada numa caçada que ultrapassa os limites do estado. A Polícia Civil e o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) firmaram um pacto de silêncio para não falar mais sobre as investigações.

Thiago Faria foi morto a caminho do trabalho. Foto: Reprodução/Facebook

Thiago Faria foi morto a caminho do trabalho. Foto: Reprodução/Facebook

Até agora, segundo fontes da polícia, mais de 50 pessoas foram intimadas a prestar depoimentos na Delegacia de Águas Belas, onde o crime está sendo investigado por quatro delegados. O Disque-Denúncia está oferecendo uma recompensa de R$ 10 mil por informações que levem à prisão do fazendeiro José Maria Pedro Rosendo Barbosa, apontado pela polícia como o mandante da assassinato.

Enquanto isso, o agricultor Edmacy Cruz Ubirajara, 47, segue preso no Centro de Triagem, em Abreu e Lima. Ele foi detido após se apresentar à polícia, mas nega participação na morte do promotor. Segundo o chefe da Polícia Civil de Pernambuco, delegado Osvaldo Morais, o inquérito que apura o assassinato ainda não foi concluído porque nenhuma perícia que está sendo realizada foi entregue aos delegados. Com isso, o prazo inicial de 30 dias para a conclusão do inquérito vai ser prorrogado por mais 30.

Leia matéria completa na edição impressa do Diario desta quarta-feira ou no portal Diariodepernambuco.com.br

Saiba mais sobre o assunto em:

Justiça nega revogação da prisão de suspeito de matar promotor de Itaíba

Polícia faz exame moderno para tentar encontrar chumbou em suspeito de crime

One thought on “Morte de promotor completa um mês nesta quinta-feira

  1. Nada de verdades sobre esse crime… Só encheram linguiça, prenderam uma cara q provou q é inocente, nada de resultado das perícias… nada de nada… Aguardamos a reconstituição desse crime, precisamos acreditar em alguma coisa, O Governador não sabe de nada e se mete a falar em solução pro crime, o secretário é leviano e prende o cara, a perícia não entrega os resultados, o cara segue preso, e a noiva q sabe demais continua sendo protegida pela polícia q nós pagamos e não nos protege, é coisa demais pra minha cabeça…