Chefe do esquema de tráfico de órgãos, Gedalya Tauber, será extraditado para o Cotel

A Polícia Federal de Pernambuco vai divulgar nesta quarta-feira todo o trâmite a respeito da extradição do israelense Gedalya Tauber, 78 anos, que será feita para o Brasil nos próximos dias. Tauber foi preso em junho do ano passado, em Roma, na Itália, quando tentava entrar no país depois de retornar de Boston. O blog apurou que Gedalya vai terminar de cumprir sua pena no Centro de Observação Criminológica e Triagem (Cotel), em Abreu e Lima. A data do seu retorno e todo o esquema de segurança, no entanto, só serão divulgados nesta quarta-feira.

Gedalya será trazido da Itália para Pernambuco. Foto: Arquivo/DP

Gedalya será trazido da Itália para Pernambuco. Foto: Arquivo/DP

O israelense estaria livre da condenação sob a acusação de chefiar uma quadrilha de tráfico de órgãos em setembro de 2012, no entanto, aproveitou uma autorização judicial de 30 dias para visitar parentes em Israel e não retornou ao Brasil. Ele estava sendo procurado pela polícia internacional desde então, a fuga do poderoso chefão que aliciou mais de 30 pessoas na Região Metropolitana do Recife (RMR) foi divulgada com exclusividade pelo Diario de Pernambuco na edição do dia 17 de agosto de 2011.

As vítimas que eram atraídas pela quadrilha chefiada por Gedalya recebiam dinheiro para venderem seus rins. As operações eram realizadas na África do Sul e a organização criminosa foi desarticulada pela Operação Bisturi da Polícia Federal, em dezembro de 2003. A prisão do israelense foi comunicada ao Tribunal de Justiça de Pernambuco desde o ano passado. Como cometeu outro crime, fugindo quando estava em liberdade condicional, Gedalya deverá ser julgado mais uma vez e terá sua pena aumentada.

Leia mais sobre o assunto em:

Polícia Federal quer trazer chefe do tráfico de órgãos para Pernambuco

2 thoughts on “Chefe do esquema de tráfico de órgãos, Gedalya Tauber, será extraditado para o Cotel

  1. O correto e mofar no presidio .
    O governo deve transferi-lo para a California, U.S.A. , para ele ficar ” hospedado ” em um “hotel” (presidio) ate morrer , prisao perpetua.
    BRASIL ? As leis sao piadas de mau gosto.

    Ito Cvalcanti
    California, U.S.A..

  2. WAGNER OLIVEIRA , PARRABENS.
    Sua materia foi nota 10.
    Deus te de saude e sucessos, amem.
    Abraco.

    Ito Cavalcanti
    California, U.S.A..