Governo do estado gastará R$ 48 mil por mês com locação de 20 viaturas

O governo do estado terá um gasto mensal de R$ 48 mil com o pagamento da locação de 20 veículos do tipo Spin a partir de agora. É que a Secretaria de Defesa Social (SDS) vai apresentar nesta quinta-feira as novas ferramentas de combate à criminalidade.

Além desse custo mensal, o governo investiu aproximadamente R$ 704 mil na comprar de 30 Segways, equipamentos que serão utilizados pela Polícia Militar de Pernambuco. Os veículos Spin serão caracterizados no padrão GATI/PMPE.

Os Segways são equipamentos diciclos (duas rodas) elétricos, não poluentes, próprios para serem utilizados em ambientes externos como parques, praças, ciclovias e também em ambientes fechados como terminal marítimo, aeroporto e terminal de passageiros. Um total de 120 PMs foram capacitados para usar os equipamentos.

Eles serão empregados nas áreas com grande fluxo de pessoas e em áreas turísticas, entre elas Recife Antigo, orlas de Boa Viagem, Piedade e Olinda e nos grandes parques do Recife como 13 de Maio, Jaqueira e Parque da Macaxeira.

As unidades contempladas serão: 1º BPM, 6º BPM, 11º BPM, 12º BPM, 13º BPM, 18º BPM, 19º BPM e Companhia Independente de Apoio ao Turista – CIATur. Espera-se que com um investimento tão alto, os resultados sejam positivos na redução da criminalidade. Porque a sociedade não tem sentido muita redução de assaltos e número de mortes nos últimos meses em Pernambuco.

Com informações da assessoria de imprensa da SDS

2 thoughts on “Governo do estado gastará R$ 48 mil por mês com locação de 20 viaturas

  1. Boa noite.
    Investe-se em nomes (GATI – CIOE – CIPOMA…) quando se deveria investir em estratégias voltadas para resolução de problemas.
    Acredito que o grande equívoco da gestão de segurança pública do nosso Estado, no que concerne ao policiamento ostensivo executado pela POLÍCIA MILITAR, prende-se ao fato do grande tempo perdido nas ocorrências, afastando o policiamento do setor para a elaboração do TCO (somente é feito na Delegacia…), o que em alguns casos, a guarnição passa mais de 5 horas longe do seu principal objetivo: FAZER POLICIAMENTO, ESTAR PRESENTE, ATENDER AS DEMANDAS.
    Um outro ponto, talvez tão importante quanto, é a ineficiência do sistema de inteligência da PMPE, que hoje não mais existe no âmbitos do quartéis, deixando o policiamento sem o feedback para contrapor as informações tão imprescindíveis para a atuação do policial.
    Por fim, para não estendermos muito (fico a disposição para uma conversa mais detalhada qualquer dia…), acusamos também o colapso que a tropa se encontra no aspecto gênero (masculino/feminino). Os concursos tem absorvido um grande número de mulheres, e isso tem enfraquecido sobremaneira a atuação dos policiais, uma vez que as guarnições, necessariamente precisam estar escaladas em pelo menos 2 PMs, e sendo assim, o policial do sexo masculino não se sente bastante seguro para cumprir com suas obrigações (segundo relatos pessoais), e as femininas (policiais), por sua vez, reconhecem, em sua grande maioria que não possuem condições antropológicas para os serviço de rua, gerando assim, um dos vários círculos viciosos, inclusive omissão.
    Forte abraço.

  2. Bom dia Wagner, quero salientar que em junho foram convocados 2000 pessoas do concurso da pmpe 2009. Já se faz 4 meses que estamos aguardando o cronograma pra dar prosseguimento as próximas etapas, temos ido em busca de respostas mas a SDS vem empurrando com à barriga nossa situação Tendo em vista que foi necessário grande parte desses 2000 sair do emprego pra poder treinar sem contar que por medo de sermos reprovado estamos desempregados aguardando o tão temido teste físico.
    No mais ficamos grato caso você nos traga algo concreto com relação a esse cronograma, somos mães e pais de família que estamos passando necessidade aguardando as demais etapas do concurso.

    Obs: um certame paralelo a esse o de agentes penitenciário que foi convocado no mesmo prazo os candidatos já estão no curso.

    Desde já agradecemos pelo seu interesse em nos ajudar