Mil e cem novos PMs estarão nas ruas em 1º de agosto

Apesar da solenidade de formatura dos novos mil e cem alunos do curso de soldados da Polícia Militar de Pernambuco ter acontecido nesta quinta-feira, os praças só estarão, de fato, nas ruas a partir do dia 1º de agosto. O auditório do Teatro Guararapes, no Centro de Convenções de Pernambuco, ficou lotado nesta manhã com os novos militares e seus familiares que, assim como eles, esperavam ansiosamente por essa convocação.

Participaram da solenidade desta quinta-feira o governador do estado, Paulo Câmara, o secretário de Defesa Social, Alessandro Carvalho, o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Pereira Neto e outras autoridades da segurança pública de Pernambuco. Na ocasião, o governo do estado voltou a falar na criação de dois novos batalhões e de uma companhia de policiamento.

Cúpula da segurança participou do evento.  Fotos: Roberto Pereira/SEI

Cúpula da segurança participou do evento. Fotos: Roberto Pereira/SEI

Segundo a Secretaria de Defesa Social (SDS), dos 1.100 novos PMs, 591 são da capital, 397 vieram do interior do estado e 112 de outros estados do Brasil. O novo efetivo é composto por 897 homens e 203 mulheres. As aulas do curso de Formação Básica de Soldados tiveram início em 26 de janeiro e foram concluídas em 10 de fevereiro com a duração de 90 horas/aula.

Nessa primeira etapa do curso, os alunos passaram pelas etapas médica, física, psícológica e de investigação social. A partir de agora, prosseguem no Módulo de Formação Técnica, que complementa a capacitação dos concluintes para o desenvolvimento das funções inerentes ao soldado da PM, atuando no policiamento ostensivo.

Novos PMs fizeram juramento de defender a sociedade e honrar a farda

Novos PMs fizeram juramento de defender a sociedade e honrar a farda

A última etapa da formação dos novos militares terá início no dia 15 de julho. Nessa data eles começarão o estágio prático que seguirá até o dia 31 de julho. No dia seguinte, já estarão nas ruas. “Vocês iram exercer uma função muito importante no estado. O Pacto pela Vida vai precisar muito da ajuda de vocês para reduzir ainda mais os índices de criminalidade. Bandidos não terão vez em Pernambuco”, afirmou Paulo Câmara.

O governador falou ainda sobre a criação do 25º Batalhão da PM, que funcionará em Jaboatão dos Guararapes; do Batalhão de Polícia Especializado do Interior, com sedes em Palmares e Toritama; e da Companhia Independente de Goiana, na Mata Norte, para onde irão a maior parte dos novos soldados. “Segurança não é uma questão que se cuida de vez em quando. Segurança se cuida todo o dia”, declarou Paulo.

Marcos Cunha disse que todos os formandos esperavm muito por essa data. Foto: Wagner Oliveira/DP/D.A Press

Marcos Cunha disse que todos os formandos esperavm muito por essa data. Foto: Wagner Oliveira/DP/D.A Press

Marcos Cunha tem 30 anos e prestou concurso para a Polícia Militar no ano de 2009 quando tinha 25 anos. Morador de São Lourenço da Mata ele falou um pouco sobre a expectativa dos novos militares para as nomeações. “Falo em nome de todos os meus colegas guerreiros que estamos muito felizes. Tínhamos certeza de que esse dia iria chegar e estamos prontos para seguir a nossa carreira”, destacou Cunha.

2 thoughts on “Mil e cem novos PMs estarão nas ruas em 1º de agosto

  1. Parabéns aos alunos nomeados da PMPE. Infelizmente pra nós concursados e aprovados da PCPE esperando uma convocação para o curso na academia de PCPE, dentro do prazo de validade, que vai até 28 de fevereiro de 2015, estar nos transparecendo cada vez mais distante. Nossa esperança o governo acabou. Estudamos, passamos pela 1ª etapa do concurso, que é a prova escrita, exames médicos, físicos e psicológico, só faltando a 2ª etapa do concurso, COMO DIZ O EDITAL que é o curso de formação na ACADEPOL PE. ABSURDO como estamos sendo LESADOS EM NOSSO DIREITO. Agradeço ao Diário de Pernambuco por esse espaço e ao repórter Wagner Oliveira pela Força que nos tem dado. Muito obrigado.

  2. Continha simples, 1100 dividido por 4 para poder formar uma escala = 275.
    Pega os 275 e divide pelos 24 batalhões mais umas 7 companhias = 8,87 policiais por batalhão.

    Não vai dar pra nada.