Alunos do Agnes serão responsabilizados pela morte de professor Betinho

O delegado Alfredo Jorge do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) afirmou no final da manhã desta sexta-feira que irá indiciar o estudante de 19 anos, aluno do Colégio Agnes, pela morte do pedagogo José Bernardino da Silva Filho, conhecido como Betinho. Além disso, o delegado disse ainda que o adolescente de 17 anos, também aluno do Agnes, vai responder pelo ato infracional correspondente ao crime de homicídio também pela morte de Betinho.

Foto: Wagner Oliveira/DP/D.A Press

Delegado Alfredo Jorge falou sobre o caso. Foto: Wagner Oliveira/DP/D.A Press

O anúncio foi feito após o delegado ouvir os dois primeiros rapazes que chegaram a ser apontados como suspeitos do crime e duas mulheres que teriam ouvido esses rapazes confessarem a morte de Betinho. Uma acareação estava prevista para esta manhã, mas acabou não acontecendo. Isso porque a quinta pessoa que participaria da acareação, uma mulher que disse ter ouvido que duas testemunhas ouviram a confissão dos rapazes, se negou a participar da acareação.

Para a polícia, não restam dúvidas de que os dois alunos do Agnes são os responsáveis pelo crime. “Até o final do mês o inquérito será fechado e encaminhado à Justiça”, disse o delegado. Betinho foi encontrado morto dentro do seu apartamento, no Edifício Módulo, na Avenida Conde da Boa Vista, no Centro do Recife, em 16 de maio deste ano.

O jovem de 19 anos, filho do diretor do colégio, e o adolescente de 17 foram ouvidos duas vezes, mas negaram envolvimento no assassinato. No entanto, a polícia tem como provas contras eles as impressões digitais encontradas nos objetos utilizados para matar a vítima e num móvel do apartamento.

A análise das digitais realizada pelos peritos papiloscopistas do Instituto de Identificação Tavares Buril (IITB) não deixa dúvida quanto à presença dos dois suspeitos no local. Betinho foi encontrado despido da cintura para baixo, com as pernas amarradas por um fio de ventilador e com um fio de ferro elétrico enrolado no pescoço. As digitais foram encontradas no ventilador e no ferro.

6 thoughts on “Alunos do Agnes serão responsabilizados pela morte de professor Betinho

  1. Eu só não entendo pq ,mesmo tendo um de maioridade, a imprensa evita citar o nome e a imagem do indivíduo. Tento não acreditar que seja apenas para evitar expôr o que se conhece por “filhinho de papai” “plaboy”…o indivíduo é de maior idade e no entanto faz-se o maior segredo de sua identificação. Nem falo nada quanto ao de menor idade que tem reaguargo no ECA. Mas, Não vejo outro motivo. Até pq se fosse um desafortunado (como inicialmente foi acusado o GP) o nome e a imagem do cidadão de pronto parar nas primeiras capas dos jornais. Já o dos ” plaboys” não. Pq?? Me dêem uma explicação ao menos aceitável??

    • Assista as reportagens da tv e eh do mesmo jeito. Os dois que apareceram no inicio eram pobres. A reportagem Ainda ficou insinuando que um nao queria culpar o outro. No Brasil se eh rico, eh do bem, mesmo q seja assassino.

    • É uma tragédia em notícia e uma tragédia ao português e/ou inglês no comentário.

      P.S Se DEUS for salvar Dilma, então venha primeiro nos salvar”

  2. Essa demora è por que a polícia agiu precipitadamente no início do caso, quis acusar logo o que chamam de filhos de rico, viu que um deles talvez não participou e POR FALTA DE PROVAS estava adiando. Agora, devido a cobrança da sociedade está novamente prometendo indiciar o dois rapazes citadas como alunos do Agnes.
    Que a justiça seja feita, porém, se um deles for inocente, que a POLÍCIA SEJA HONESTA e confesse que não tem provas contundentes.

  3. Uma digital do aluno de 19 anos no interior de uma cômoda e está quase em “prisão domiciliar” Digitais do de menor no objeto do crime e ta indo normalmente p colégio… Totalmente sem lógica!