Abertas inscrições para especialização em Segurança Pública e Ciências Criminais do IBCJUS

Instituto Brasileiro de Ciências Jurídicas (IBCJUS) abriu as inscrições para o curso de pós-graduação lato sensu em Segurança Pública e Ciências Criminais. É destinado a advogados, policiais civis, policiais militares, bombeiros militares, papiloscopistas, guardas municipais, policiais federais, policiais rodoviários federais, agentes penitenciários, delegados e servidores públicos em geral.

Aulas acontecerão no prédio azul da Polícia Civil. Foto: Google Street View

Aulas acontecerão no prédio azul da Polícia Civil. Foto: Google Street View

Com coordenação geral dos advogados Adeildo Nunes e Carlos Macambira e coordenação científica do advogado Elidário Gois, a especialização é uma oportunidade de capacitação a partir de um conteúdo programático criteriosamente selecionado, atual e, sobretudo, capaz de abranger temáticas de extrema importância prática e teórica sobre a segurança pública e ciências criminais.

O curso procura atender tanto uma crescente demanda de profissionais e acadêmicos, quanto às necessidades da administração de formação de recursos humanos qualificados para o exercício da função pública. Aos aprovados será assegurado o certificado autorizado pelo MEC, credenciado pela Faculdade de Ciências Exatas e Humanas do Sertão do São Francisco (FACESF).

A carga horária total será de 360 horas. As aulas terão início no dia 16 de novembro e serão ministradas as segundas e terças-feiras, das 18h às 22h, no auditório da Polícia Civil, na Rua da Aurora, no bairro da Boa Vista, no Recife. As inscrições poderão ser feitas no site www.ibcjus.org.br. Outras informações pelo telefone: (81) 3423-5100.

Com informações da assessoria de imprensa

Faculdade dos Guararapes abre pós para profissionais da área criminal

Profissionais da área criminal que pretendem aprimorar os conhecimentos na atividade já podem se inscrever em pelo menos três pós-graduações que estão com inscrições abertas na Faculdade dos Guararapes (FG) – integrante da rede internacional de universidades Laureate. São elas: Perícias Moleculares e Toxicológicas; Perícia e Genética Forense; Ciências Criminais.

Os cursos têm carga horária de 360 horas, em 18 meses de aulas teóricas e três meses de orientação para elaboração do artigo científico. As aulas acontecem tanto no campus Piedade (quinzenalmente aos sábados) quanto no campus Boa Vista (podendo ser à noite). As inscrições podem ser feitas até o dia 19 de setembro no site da FG, no endereço: http://www.faculdadeguararapes.edu.br/site/index.php?i=48.

Outra opção é se matricular diretamente no campus de Piedade, no endereço: Rua Comendador José Didier, N° 27, Piedade, Jaboatão dos Guararapes, ou então no campus Boa Vista, na Avenida Governador Carlos de Lima Cavalcanti, 110, no Derby.

Para garantir a efetivação da matrícula, é necessário comparecer à instituição com original e xerox do comprovante de residência; RG; CPF; currículo atualizado; diploma ou certificado de conclusão da graduação e duas fotos 3X4. Outras informações pelos telefones: (81) 3461-5514 / 5526 / 5527.

Com informações da assessoria de imprensa

Recife terá seminário sobre ciências criminais

 

Temas com crimes de trânsito, drogas e crimes cibernérticos poderão ser discutidos no 1º Seminário Nacional das Ciências Criminais que será realizado pela Escola Superior de Magistratura de Pernambuco (Esmape) nos dias 4 e 5 de agosto. O objetivo do encontro é discutir e levar informações à sociedade sobre as propostas de reforma do Código Penal Brasileiro, que foi elaborado ainda na década de 1940. Com abordagens sobre as leis de trânsito, drogas, crimes cibernéticos e bullying, o evento será realizado no Fórum Rodolfo Aureliano, na Joana Bezerra, no Recife.

Um ponto polêmico que será tratado no seminário refere-se ao consumo de drogas. Com o novo código, estar com droga deixará de ser crime, desde que a quantidade encontrada com o suspeito seja apenas para uso pessoal. A discussão é válida para saber qual será essa quantidade descrita apenas para consumo. Alterações na lei de trânsito deixam mais rígidos a abordagem e o uso do bafômetro – com ela, qualquer acidente provocado por pessoa alcoolizada, com vítima fatal, terá pena de até 10 anos. A embriaguez poderá ser provada através de testemunhas, fotos, vídeos ou apenas baseado no relato do policial.

Haverá discussão ainda sobre o sistema penitenciário brasileiro, com toda a sua polêmica forma de punição. A nova lei admite que o indivíduo condenado por crime praticado sem violência ou grave ameaça, não reincidente, com pena superior a dois e inferior a quatro anos, possa cumpri-la em regime aberto. Já o bullying passa a ser crime com pena de prisão de um a quatro anos.

Os dois dias de evento trarão treze conferencistas. Entre eles, os ministros do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Og Marques Fernandes e Maria Thereza Moura, e um dos membros da comissão que está elaborando o anteprojeto do novo Código Penal, o advogado Luiz Flávio Gomes.

 

SERVIÇO

1º Seminário Nacional das Ciências Criminais – Esmape

4 e 5 de agosto

Fórum Joana Bezerra

Inscrições: www.esmape.com.br

RS 300 profissionais e R$ 100 estudantes