Ciods ganha mais espaço para atender chamados de emergências

Do Diario de Pernambuco

O crescimento da violência na Região Metropolitana do Recife levou a Secretaria de Defesa Social (SDS), a mudar o endereço do Centro Integrado de Defesa Social (Ciods). A unidade funcionava há 13 anos na SDS, na Rua São Geraldo, no bairro de Santo Amaro, em um espaço projetado para demandas daquela época. Ontem a central de despacho de viaturas mudou-se para o bairro de São José. O serviço que conta com 25 atendentes em quatro turnos funcionará no prédio da Agência Estadual de Tecnologia da Informação (ATI).

Foto: SDS/Divulgação

Central agora está funcionando no bairro de São José. Foto: SDS/Divulgação

Inaugurado em 2002, a central do Ciods já ultrapassa 8 mil ligações por dia. Em 2014, foram cerca de 1, 7 milhão de denúncias, enquanto, este ano, de janeiro a julho, as ocorrências já somam mais de 1,4 milhão. “A central de despacho é responsável pelo deslocamento de viaturas na rua, e com uma estrutura melhor aos servidores, o atendimento à população será agilizado”, declarou Alessandro Carvalho, secretário de Defesa Social.

Até o fim do ano, também deve mudar de endereço o call center que funciona com 30 atendentes ainda na rua São Geraldo, na sede da SDS. “Um dos principais objetivos é reduzir o tempo de atendimento ao cidadão. O intervalo de 12 minutos, por exemplo, pode ser reduzido com a nova estrutura. Esse tempo pode ser sempre melhorado, principalmente, se conseguirmos diminuir o número de trotes que acontecem diariamente”, comentou o tenente-coronel Ricardo Fentes, gerente-geral da unidade.

O Ciods faz parte do Centro Integrado de Comando e Controle Regional (CICCR), atuando na execução de grandes eventos, além de ter acesso ao monitoramento das prefeituras com 900 câmeras nos municípios do Recife, Olinda, Caruaru e Petrolina. Já a Central de Viedeomonitoramento dispõe de cerca de mil câmeras espalhadas nos mesmos municípios.

Serviço no Ciods

13
anos de funcionamento

25
atendentes nos
quatro turnos

8 mil
ligações por dia

1,7 milhões
de ligações em 2014

1,4 milhões
de ligações de janeiro a julho de 2015

Central de
monitamento de vídeo:

900
câmeras distribuídas em:
Recife, Olinda, Caruaru e Petrolina

PMs agora têm lugar reservado na Delegacia de Jaboatão

Quem já esteve em uma delegacia de polícia ou pelo menos conhece o cotidiano de uma deve saber que é para lá que são levadas as pessoas presas em flagrante pela Polícia Militar. No entanto, quando uma viatura policial chega à delegacia, para entregar a ocorrência aos agentes, é necessário que seja feita uma comunicação. Esse procedimento é realizado através de um Boletim de Ocorrência (B.O). Uma coisa que os PMs sempre se queixam é de que não há um lugar adequado para que esse B.O seja preenchido.

Eu mesmo já presenciei várias vezes policiais militares relatando a ocorrência dentro das viaturas que trabalham. Alguns preferem usar o carro como apoio para escrever e outros buscam o balcão ou uma mesa que estiver desocupada na delegacia para preencher a comunicação. A partir de agora, pelo menos os PMs que trabalham no 6º BPM e cobrem a área de Jaboatão Centro estarão livres dessa agonia.

PMs têm área reservada para fazer B.Os. Foto: Igor Leite/Divulgação

PMs têm área reservada para fazer B.Os. Foto: Igor Leite/Divulgação

É que a delegacia comandada pelo delegado Igor Leite reservou um local especialmente para receber os policiais militares. Uma mesa e uma cadeira estão destinados exclusivamente para os PMs preencherem seus boletins antes de repassarem o caso para a Polícia Civil. A ideia bem que poderia ser utilizada por outras delegacia, né? Iria otimizar o tempo de trabalho e beneficiar ainda mais a população.