Classificação da Série B 2017 – 30ª rodada

A classificação da 30ª rodada da Série B de 2017. Crédito: Superesporte2

Dois resultados idênticos, mas com construções e sentimentos distintos entre os representantes pernambucanos durante a “terça-feira cheia” da segundona. A avaliação sobre o empate coral no Arruda e o empate timbu no Rei Pelé segue a partir da classificação, ruim para ambos. No Santa, a chance desperdiçada numa conta interna de cinco vitórias nos cinco jogos como mandante para conseguir escapar da queda. Hoje, se vê mais pressionado do que nunca, inclusive com a 18ª posição já ameaçada! Pois é, ameaçada pelo rival Náutico, que, durante um instante nesta rodada, chegou a ficar à frente. Mas, após lutar o jogo inteiro e ficar em vantagem, coisa que o tricolor não conseguiu, tomou um gol aos 40 do segundo tempo, numa falha do goleiro após cobrança de lateral. Um reflexo da campanha complicada.

Resultados da 30ª rodada
Londrina 1 x 0 Figueirense
Guarani 1 x 1 ABC
Boa Esporte 0 x 0 Internacional
Santa Cruz 2 x 2 Oeste
Criciúma 0 x 1 Vila Nova
Brasil 0 x 0 América-MG
Ceará 1 x 0 Paraná
CRB 2 x 2 Náutico
Luverdense 1 x 1 Paysandu
Goiás 1 x 0 Juventude 

Balanço da 30ª rodada
3V dos mandantes (9 GP), 6E e 1V dos visitantes (7 GP)

Agenda da 31ª rodada (horários do Recife)
20/10 (18h15) – Guarani x Juventude (Brinco de Ouro), SporTV*
20/10 (19h30) – Náutico x ABC (Lacerdão)
20/10 (19h30) – CRB x Boa Esporte (Rei Pelé)
20/10 (20h30) – Ceará x Figueirense (Castelão), SporTV*
21/10 (15h30) – Criciúma x Internacional (Heriberto Hulse), SporTV*
21/10 (16h30) – Vila Nova x Oeste (Serra Dourada)
21/10 (16h30) – Londrina x Paysandu (Estádio do Café)
21/10 (16h30) – Brasil x Santa Cruz (Bento Freitas)
21/10 (18h00) – América-MG x Paraná (Independência), SporTV*
21/10 (20h00) – Luverdense x Goiás (Passo das Emas)
* Considerando as transmissões para o Recife, fora o Premiere (PPV)

Classificação da Série B 2017 – 29ª rodada

A classificação da 29ª rodada da Série B de 2017. Crédito: Superesporte2

Sentimentos bem distintos entre os representantes pernambucanos após a 29ª rodada da Série B. Em Florianópolis, o tricolor perdeu a terceira partida seguida. Com isso, manteve a distância de cinco pontos sobre o 16º colocado. Pior: ainda viu a aproximação do rival. Também no sábado, mas já à noite, o alvirrubro venceu o bugre paulista, tirando três pontos de diferença sobre o primeiro time fora da zona de rebaixamento, justamente o adversário em Caruaru. Apesar da esperança alimentada, ainda são oito pontos para fugir.

Agora, a Segundona terá uma ‘terça-feira cheia’, que pode indicar os caminhos de Santa e Náutico em relação à próxima temporada. O tricolor precisa de pelo menos cinco vitórias para escapar. Como ainda tem cinco jogos em casa, o restante da confiança está depositada aí. A série ‘começa’ agora, contra o Oeste. Já o timbu enxerga no CRB a possibilidade de finalmente voltar a pontuar como visitante (perdeu os últimos cinco jogos disputados fora de casa). Tem bola pra isso? Rodada quente…

Resultados da 29ª rodada
Internacional 1 x 0 Brasil
Paysandu 0 x 0 CRB
Paraná 2 x 1 Criciúma
Juventude 0 x 2 Londrina
Figueirense 2 x 1 Santa Cruz
América 2 x 1 Luverdense
Vila Nova 0 x 0 Goiás
ABC 1 x 0 Boa Esporte
Oeste 0 x 1 Ceará
Náutico 2 x 0 Guarani 

Balanço da 29ª rodada
6V dos mandantes (10 GP), 2E e 2V dos visitantes (6 GP)

Agenda da 30ª rodada
17/10 (19h15) – Londrina x Figueirense (Estádio do Café)
17/10 (19h15) – Guarani x ABC (Brinco de Ouro), SporTV*
17/10 (19h15) – Boa Esporte x Internacional (Dilzon Melo)
17/10 (20h30) – Santa Cruz x Oeste (Arruda)
17/10 (20h30) – Criciúma x Vila Nova (Heriberto Hulse)
17/10 (20h30) – Brasil x América (Bento Freitas)
17/10 (20h30) – Ceará x Paraná (Castelão)
17/10 (21h30) – CRB x Náutico (Rei Pelé)
17/10 (21h30) – Luverdense x Paysandu (Passo das Emas)
17/10 (21h30) – Goiás x Juventude (Serra Dourada), SporTV*
* Considerando as transmissões para o Recife, fora o Premiere (PPV)

As probabilidades de rebaixamento e acesso a 10 rodadas do fim da Série B

As projeções de campanha para acesso e rebaixamento na Série B de 2017 após 28 rodadas. Arte: Cassio Zirpoli/DP

Faltando apenas dez rodadas para o fim da Série B do 2017, chegou a hora de reapresentar as probabilidades sobre acesso e descenso de cada um dos vinte participantes. Considerando as 280 partidas disputadas na competição de acesso à elite do futebol nacional, vamos às estatísticas de três sites especializados no assunto: Chance de GolInfobola e UFMG, através do departamento de matemática da universidade mineira.

A partir de cálculos sobre o desempenho em casa, histórico em confrontos e campanha atual, o Chance de Gol e a UFMG também projetam as pontuações finais necessárias, com os percentuais que dão mais “garantia” a cada opção. Na segunda divisão, a média histórica de pontuação para o acesso (4º lugar), considerando as onze edições nos pontos corridos, é de 63 pontos. Nesta temporada, essa campanha tem, na pior das hipóteses, 76% de confiança. Em relação ao rebaixamento, o índice histórico para escapar, na 16ª posição, é de “45,18″. Arredondando para 45, significaria 83% de chance de sucesso.

Veja as classificações da Série B após a 28ª rodada clicando aqui.

Náutico
Acesso: 0% a 0,009%
Rebaixamento: 93,3% a 95,2%

Santa Cruz
Acesso: 0% a 0,009%
Rebaixamento: 76,4% a 76,5%

Classificação da Série B 2017 – 28ª rodada

A classificação da 28ª rodada da Série B de 2017. Crédito: Superesporte2

Os dois representantes pernambucanos já estavam no Z4 do Campeonato Brasileiro, mas as derrotas na 28ª rodada potencializaram bastante a situação já delicada, com o fantasma da Série C cada vez mais assustador. No sábado, o alvirrubro perdeu um confronto direto no Serra Dourada. Ainda na vice-lanterna, o time estava a 8 pontos do 16º colocado, o primeiro fora da zona. Agora está a 11. No dia seguinte, o tricolor perdeu no Arruda, resultando num aumento considerável para sair da atual situação. Manteve-se em 18º, mas agora a 5 pontos do do 16º. Ou seja, o time precisa de, no mínimo, duas rodadas perfeitas para deixar a zona de rebaixamento. Faltam apenas dez.

No G4, o Ceará foi a novidade na semana, trocando de lugar com o Vila Nova. Graças à vitória no confronto direto, em jogo disputado no Castelão.

Resultados da 28ª rodada
Ceará 2 x 0 Vila Nova
Paraná 1 x 0 Internacional
Brasil 1 x 0 Juventude
Boa 1 x 2 Paysandu
CRB 1 x 0 ABC
Goiás 2 x 0 Náutico
Oeste 3 x 0 Guarani
Criciúma 2 x 1 Londrina
Luverdense 3 x 0 Figueirense
Santa Cruz 0 x 1 América 

Balanço da 28ª rodada
8V dos mandantes (16 GP) e 2V dos visitantes (4 GP)

Agenda da 29ª rodada
09/10 (20h00) – Internacional x Brasil (Beira-Rio), SporTV*
13/10 (19h15) – Paysandu x CRB (Curuzu), SporTV*
13/10 (20h30) – Paraná x Criciúma (Durival Britto)
13/10 (21h30) – Juventude x Londrina (Alfredo Jaconi), SporTV*
14/10 (16h30) – Figueirense x Santa Cruz (Orlando Scarpelli), Globo*
14/10 (16h00) – América x Luverdense (Independência)
14/10 (16h30) – Vila Nova x Goiás (Serra Dourada), SporTV*
14/10 (16h30) – ABC x Boa (Arena das Dunas)
14/10 (19h00) – Oeste x Ceará (Arena Barueri)
14/10 (19h00) – Náutico x Guarani (Lacerdão)
* Considerando as transmissões para o Recife, fora o Premiere (PPV)

Podcast – A análise da vitória do Náutico em Caruaru e da derrota do Santa no Sul

Série B 2017, 27ª rodada: Náutico 2x0 Boa (Léo Lemos/Náutico) e Inter 2x0 Santa (Ricardo Duarte/Internacional)

Os pernambucanos jogaram no sábado, em horários simultâneos, pela 27ª rodada da Série B. De volta ao Lacerdão, uma semana após a “estreia”, desta vez o alvirrubro alcançou o resultado positivo – e a sobrevida. Lá em Porto Alegre, o tricolor não foi páreo para o líder, voltando ao Z4. O 45 minutos comentou as duas partidas em gravações exclusivas, nas questões técnica e tática, além de análises individuais. Ao todo, 53 minutos de podcast.

Participei das duas gravações. Ouça!

30/09 – Náutico 2 x 0 Boa Esporte (29 min) 

30/09 – Internacional 2 x 0 Santa Cruz (24 min)

Classificação da Série B 2017 – 27ª rodada

A classificação da 27ª rodada da Série B de 2017. Crédito: Superesporte2

As vitórias de Figueirense e Goiás, abrindo a rodada na noite de sexta-feira, complicaram bastante a situação dos pernambucanos na Segundona, embora outros clubes estejam chegando à briga contra o descenso, como CRB e Paysandu. Em Porto Alegre, o tricolor foi derrotado pelo líder e voltou ao Z4 após três rodadas ‘respirando’. Pior. Perdeu, duas colocações e terminou em 18º, já ficando a dois pontos do primeiro time fora da zona. Em Caruaru, o alvirrubro voltou a vencer, mas praticamente não andou. Se manteve na penúltima posição, mas a 8 pontos do 16º colocado – estava a 9.

Na briga pelo título, o Inter abriu seis pontos sobre o vice-líder. Encaixado, deve disparar na pona. Em relação ao 5º lugar já são nove pontos. Passeou.

Resultados da 27ª rodada
Figueirense 1 x 0 Paraná
Londrina 4 x 1 CRB
ABC 0 x 1 Goiás
Juventude 1 x 0 Paysandu
Internacional 2 x 0 Santa Cruz
Vila Nova 1 x 1 Brasil
Náutico 2 x 0 Boa
Luverdense 0 x 1 Ceará
Guarani 0 x 0 Criciúma
América 1 x 2 Oeste 

Balanço da 27ª rodada
5V dos mandantes (12 GP), 2E e 3V dos visitantes (6 GC)

Agenda da 28ª rodada
03/10 (19h15) – Ceará x Vila Nova (Castelão)
03/10 (20h30) – Paraná x Internacional (Arena da Baixada)
03/10 (21h30) – Brasil x Juventude (Bento Freitas)
06/10 (19h15) – Boa x Paysandu (Dilzon Melo)
06/10 (20h30) – CRB x ABC (Rei Pelé)
06/10 (21h30) – Goiás x Náutico (SerraDourada
07/10 (16h30) – Oeste x Guarani (Arena Barueri)
07/10 (16h30) – Criciúma x Londrina (Heriberto Hulse)
07/10 (19h00) – Luverdense x Figueirense (Passo das Emas)
07/10 (19h00) – Santa Cruz x América (Arruda)

O Náutico como mandante em Caruaru, com e sem mobilização da torcida

O Internacional é a principal atração da Série B de 2017. À parte do clássico local, os maiores públicos de Santa (25 mil) e Náutico (13 mil) foram diante do colorado. Por isso, somando ao embalo da primeira partida do alvirrubro em Caruaru, com grande mobilização, a presença alvirrubra foi representativa. Entretanto, com mais três jogos por disputar na cidade, ficou a expectativa sobre o desempenho seguinte. E aí entra, no futebol, o importante fator psicológico. Com as derrotas para Inter e Paraná, no meio de semana, o jogo seguinte, contra o Boa, acabou minado. E os números mostram isso. Abaixo, cenários semelhantes em fotos dos repórteres João de Andrade e Luís Prates.

Há um meio termo entre os jogos, considerando um rival de menor apelo?

Náutico 0 x 1 Internacional (23/09)
Público: 13.409 pessoas
Renda: R$ 264.765

Náutico 2 x 0 Boa Esporte (30/09)
Público: 2.144 (-84%)
Renda: R$ 23.880 (-90%)

Próximos jogos no Lacerdão
Náutico x Guarani (14/10)
Náutico x ABC (21/10)

Ordem das fotos: vs Boa (acima) e vs Inter (abaixo)

Movimentação no entorno do Lacerdão antes da partida. Contra o Inter, 9 mil bilhetes vendidos antecipadamente. Contra o Boa, procura baixa até no dia.

Náutico vs Boa (30/09/2017) e Náutico vs Inter (23/09/2017). Fotos: João de Andrade Neto/DP

A “Avenida Alvirrubra”, com a recepção da torcida ao ônibus do time. De centenas no primeiro sábado a poucas dezenas no jogo seguinte.

Náutico vs Boa (30/09/2017) e Náutico vs Inter (23/09/2017). Fotos: João de Andrade Neto/DP

Em relação à ocupação do estádio, o enorme tobogã ficou fechado contra o Boa por contenção de gastos. As sociais bastaram para acomodar o público

Náutico vs Boa (João de Andrade Neto/DP) e Náutico vs Inter (Luís Prates/twitter)

Com dois gols de D’Alessandro, o líder Internacional vence o Santa no Beira-Rio

Série B 2017, 27ª rodada: Internacional 2 x 0 Santa Cruz. Foto: Ricardo Duarte/S.C. Internacional

O meia argentino Andrés D’Alessandro foi contratado pelo Internacional em 2008, iniciando uma história de peso no clube gaúcho, com dez títulos, incluindo a Libertadores. Saiu em 2016, num rápido empréstimo ao River Plate, coincidindo com o primeiro rebaixamento colorado. Voltou do empréstimo disposto a jogar a Série B. Pela idade, 36 anos, não vem sendo utilizado em todas as partidas do Brasileiro, com preferência para as apresentações no Beira-Rio. Como foi diante do Santa Cruz.

O tricolor viajou consciente da missão. Com as vitórias de Figueira e Goiás, na sexta, o time já entrou em campo no Z4, caindo do 16º para o 18º lugar. Diante do líder, essa diferença ficou clara. O empate, que seria interessante, só durou dez minutos. O zagueiro Guilherme Mattis fazia a sua estreia, no lugar de Sandro, por opção de Martelotte, quando colocou a mão na bola num carrinho. Pênalti. Capitão do time, o argentino deslocou Júlio César com tranquilidade.

Série B 2017, 27ª rodada: Internacional 2 x 0 Santa Cruz. Foto: Vitor Arruda Pereira/twitter (@vitor_apereira)

Durante a peleja, o goleiro tricolor repetiria a boa atuação vista contra o Ceará, com quatro boas intervenções. À frente, o Santa só levou perigo no início do segundo tempo. Primeiro com André Luís, que não aproveitou uma sobra. Depois, em outra bola cruzada, com Grafite, que bateu pra fora.

Sem dar mais espaço para vacilos, o mandante ampliou aos 25/2T. De novo com o camisa 10, agora em jogada individual. Recebeu na área, driblou Anderson Salles e bateu no canto, fazendo 2 x 0. Manteve o seu time na ponta e impediu a saída coral da zona de rebaixamento. No scout particular, D’Alessandro chegou a 84 gols em 382 jogos pelo Inter. Faz diferença.

Tricolor sob o comando de Martelotte (1v-3e-1d)
09/09 – Santa Cruz 0 x 0 ABC (Arena das Dunas, Natal)
15/09 – Santa Cruz 3 x 0 Goiás (Arruda)
22/09 – Santa Cruz 1 x 1 Londrina (Estádio do Café, Londrina)
26/09 – Santa Cruz 0 x 0 Ceará (Arruda)
30/09 – Santa Cruz 0 x 2 Internacional (Beira-Rio, Porto Alegre)

Série B 2017, 27ª rodada: Internacional 2 x 0 Santa Cruz. Foto: Ricardo Duarte/S.C. Internacional

O ranking de títulos nacionais de elite, com 92 estrelas douradas no Brasil

O ranking de campeões nacionais, de 1959 a 2017. Arte: Cassio Zirpoli/DP

Ao conquistar o penta da Copa do Brasil, o Cruzeiro também tornou-se o segundo maior campeão nacional do país. Foi o 9º título do clube neste âmbito, dividindo o patamar com Santos, Flamengo e Corinthians. O quarteto só está abaixo do Palmeiras, que detém um histórico impressionante, com taças em todas as competições já realizadas pela CBF. Voltando ao time celeste, outro aspecto interessante é a vantagem ampliada sobre o Grêmio, 9 x 7, consolidando o clube como o maior vencedor fora do eixo Rio-SP.

Portanto, com o fim da copa nacional, é hora de atualizar a lista de campeões nacionais, levantada há bastante tempo pelo blog. O ranking soma três torneios extintos, a Taça Brasil (1959/1968), o Torneio Roberto Gomes Pedrosa (1967/1970) e a Copa dos Campeões (2000/2002), e as vigentes Série A (1971/2016) e Copa do Brasil (1989/2017). Além da chancela, a relevância das cinco competições está na indicação dos campeões à Libertadores (observações sobre outros torneios na lista de comentários). 

Ao todo, existem 22 campeões nas 92 disputas organizadas pela CBF e por sua precursora, a CBD. Antes de qualquer discussão sobre o Campeonato Brasileiro de 1987, vale ressaltar que a lista do blog aponta os vencedores reconhecidos pela entidade responsável, independentemente da visão de outros jornais com critérios paralelos ao objeto oficial. Naturalmente, cada torneio tem um peso distinto no cenário nacional, em história, dificuldade etc. No entanto, em vez de definir um valor específico (o que seria subjetivo, Série A à parte), o blog optou por diferenciar os clubes com o mesmo número de títulos de acordo com último troféu, com vantagem para o mais antigo.

13 – Palmeiras (A: 1972, 1973, 1993, 1994 e 2016; R: 1967 e 1969; CB: 1998, 2012 e 2015; TB: 1960 e 1967; C: 2000)
9 – Santos (A: 2002 e 2004; R: 1968; CB: 2010; TB: 1961, 1962, 1963, 1964 e 1965)
9 – Flamengo (A: 1980, 1982, 1983, 1992 e 2009; CB: 1990, 2006 e 2013; C: 2001)
9 – Corinthians (A: 1990, 1998, 1999, 2005, 2011 e 2015; CB: 1995, 2002 e 2009)
9 – Cruzeiro (A: 2003, 2013 e 2014; CB: 1993, 1996, 2000, 2003 e 2017; TB: 1966)
7 – Grêmio (A: 1981 e 1996; CB: 1989, 1994, 1997, 2001 e 2016)
6 – São Paulo (A: 1977, 1986, 1991, 2006, 2007 e 2008)
5 – Vasco (A: 1974, 1989, 1997 e 2000; CB: 2011)
5 – Fluminense (A: 1984, 2010 e 2012; R: 1970; CB: 2007)
4 – Internacional (A: 1975, 1976 e 1979; CB: 1992)
2 – Bahia (A: 1988; TB: 1959)
2 – Botafogo (A: 1995; TB: 1968)
2 – Sport (A: 1987; CB: 2008)
2 – Atlético-MG (A: 1971; CB: 2014)
1 – Guarani (A: 1978)
1 – Coritiba (A: 1985)
1 – Criciúma (CB: 1991)
1 – Juventude (CB: 1999)
1 – Atlético-PR (A: 2001)
1 – Paysandu (C: 2002)
1 – Santo André (CB: 2004)
1 – Paulista (CB: 2005)

Legenda: Série A (A), T. Roberto Gomes Pedrosa (R), Copa do Brasil (CB), Taça Brasil (TB), Copa dos Campeões (C).

Classificação da Série B 2017 – 26ª rodada

A classificação da 26ª rodada da Série B de 2017. Crédito: Superesporte2

Foram nove partidas na terça-feira e uma na quarta, na “preliminar” da decisão da Copa do Brasil. Começou com o empate do tricolor, num jogo muito corrido no Arruda, com lances de perigo de ambos os lados, até os descontos. Embora a vitória não tenha vindo, o pontinho somado foi determinante para manter o Santa fora do Z4, na mesma condição da rodada anterior: à frente do Figueira pelo saldo (-5 x -7). Na sequência, mas lá em Curitiba, o alvirrubro perdeu a terceira seguida. Com isso, viu a distância para o 16º colocado, justamente o rival, subir de 8 para 9 pontos.

Encerrando a rodada, o duelo valendo a liderança da Série B, que havia sido adiado devido a um show da banda The Who no Beira-Rio. Em campo, diante de 36 mil torcedores, um jogo bem parelho, com o Inter batendo o América com um gol de Nico López aos 40/2T. Logo depois, o atacante recebeu o amarelo e está suspenso contra o tricolor pernambucano.

Resultados da 26ª rodada
Santa Cruz 0 x 0 Ceará
Criciúma 1 x 1 Figueirense
Brasil 0 x 1 Luverdense
Vila Nova 3 x 0 CRB
Oeste 4 x 1 Londrina
Paraná 3 x 0 Náutico
Boa 2 x 0 Goiás
ABC 1 x 1 Juventude
Paysandu 2 x 1 Guarani
Internacional 2 x 1 América 

Balanço da 26ª rodada
6V dos mandantes (18 GP), 3E e 1V dos visitantes (6 GC)

Agenda da 27ª rodada
29/09 (19h15) – Figueirense x Paraná (Orlando Scarpelli)
29/09 (20h30) – Londrina x CRB (Estádio do Café)
29/09 (20h30) – ABC x Goiás (Frasqueirão)
29/09 (21h30) – Juventude x Paysandu (Alfredo Jaconi)
30/09 (16h30) – Internacional x Santa Cruz (Beira-Rio)
30/09 (16h30) – Vila Nova x Brasil (Serra Dourada)
30/09 (16h30) – Náutico x Boa (Lacerdão)
30/09 (19h00) – Luverdense x Ceará (Passo das Emas)
30/09 (19h00) – Guarani x Criciúma (Brinco de Ouro)
01/10 (11h00) – América x Oeste (Independência)