A volta das explosões dos caixas eletrônicos

Depois de um período de meses sem se preocupar com explosões a caixas eletrônicos em agências bancárias, a polícia pernambucana viu essa tranquilidade ir por água abaixo na manhã dessa quarta-feira, quando soube de uma tentativa de roubo à agência do Banco do Brasil do município de Condado. Um grupo de criminosos utilizou explosivos para arrombar os caixas e levar o dinheiro. O plano, no entanto, não deu certo. Além da ação ousada, a polícia suspeita que os assaltantes tenham feito um grupo de turistas de Brasília de reféns enquanto tentava explodir os caixas. No ano passado, várias pessoas foram presas e os grupos especializados nesse tipo de crime foram desarticulados. O que a Polícia Civil vai investigar, a partir de agora, é se as pessoas que participaram dessa tentativa de assalto fazem parte de uma nova quadrilha.

 

Ação contra a agência do município de Condado aconteceu durante a madrugada (POLICIA MILITAR DE PERNAMBUCO/DIVULGAÇÃO)

Barulho das explosões assustou moradores. Foto: Polícia Militar/Divulgação

Veja parte da matéria publicada na edição do Diario desta quinta-feira.

Cinco turistas de Brasília que reservaram as férias para viajar pelos estados do Nordeste viveram momentos de terror nas mãos de uma quadrilha de assaltantes de banco. As vítimas seguiam numa Pajero preta pela BR-101, na altura do município de Abreu e Lima, quando foram abordadas por cinco criminosos que estavam em outro veículo, de modelo não identificado. Sob ameaças de morte, os turistas foram jogados para dentro das malas dos dois carros. Por cerca de quatro horas foram reféns de uma ação ousada que acabou com a fuga dos suspeitos, na madrugada de ontem, após tentarem explodir caixas eletrônicos do Banco do Brasil da cidade de Condado, na Mata Norte de Pernambuco.

De acordo com as investigações preliminares da polícia, a abordagem às vítimas aconteceu por volta das 23h30 da última terça-feira, quando seguiam para a cidade de Natal, no Rio Grande do Norte. Cerca de três horas depois, todos já estavam dentro da agência bancária. Os criminosos usaram bananas de dinamite para explodir quatro caixas eletrônicos, mas não conseguiram. Até tiros de fuzil foram disparados. O forte barulho assustou os moradores do centro da cidade e acabou alertando a Polícia Militar.

Leia mais no Diario de Pernambuco que está à venda nas bancas ou com gazeteiros.

Os comentários estão fechados.