Delegados tirados da Corregedoria para fazer plantões

 

Uma portaria da Secretaria de Defesa Social (SDS) que deve ser publicada nesta quarta-feira já está causando polêmica desde o início desta semana. Por determinação do secretário Wilson Damázio, três delegados que estão lotados na Corregedoria Geral da SDS foram deslocados, temporariamente, para atuar em plantões de delegacias do Recife. A medida, segundo fontes do blog, seria contra a lei. A justificativa da SDS seria a de que como muitos delegados estão de férias neste mês, os delegados que estavam na Corregedoria poderiam suprir essas faltas.

Os profissionais que deixarão as atividades na Corregedoria Geral da SDS são os delegados Camila Figueredo, que passará a dar plantão na Delegacia da Mulher, Diogo Martins e Carlos Ferraz, que irão reversar os plantões da Delegacia de Boa Viagem, na Zona Sul do Recife.

A falta de delegados para atuar nas delegacias e nos plantões do estado é assunto que vem ganhando destaque desde o início deste ano. No mês passado, por exemplo, vários profissionais entregaram os plantões pelos quais estavam respondendo porque, além das precárias condições de trabalho, estavam acumulando duas ou mais delegacias.

4 thoughts on “Delegados tirados da Corregedoria para fazer plantões

  1. Mais uma vez esse Secretário abusando da autoridade, tomando até medidas ilegais. Nesta vez ele foi genial. Vamos ver como fica a PARCIALIDADE dos processos decididos na Corregedoria, com a possibilidade de transferência dos servidores para onde estão lotados os próprios investigados. É melhor ele acabar de vez essa corregedoria…

  2. E VÃO EMPURRANDO COM A BARRIGA E QUEM SOFRE É A SOCIEDADE PERNAMBUCANA, FALTA EFETIVO POLICIAL:FALTAM DELEGADOS, POLICIAIS CIVIS E POLICIAIS MILITARES, EXISTEM INÚMERAS DELEGACIAS NO INTERIOR DO ESTADO SEM DELEGADOSS ONDE 1 OU 2 AGENTES DE POLICIA FICAM RESPONSÁVEIS PELA SEGURANÇA DAQUELA CIDADE. UM EXEMPLO QUE PODE SE DAR PARA ESSA SITUAÇÃO É A DO LENÇOL CURTO O SECRETÁRIO OU MELHOR O GOVERNO COBRE A CABEÇA E DESCOBRE OS PÉS E QUANDO TENTA COBRIR OS PÉS DECOBRE A CABEÇA. ENQUANTO ISSO A SOCIEDADE CONTINUA SOFRENDO COM ESSA VIOLÊNCIA QUE A SDS JURA COM OS PÉS JUNTOS QUE ESTÁ REDUZINDO TODOS OS MESES, ESSES GOVERNNATES MENOSPREZAM A INTELIGÊNCIA DOS CIDADÃOS, MAS AS ELEIÇÕES ESTÃO AI NA PORTA E AQUELES QUE FAZEM PARTE DA VELHA PANELINHA DO PODER E ACHAM QUE VÃO PERMANCEER MAMANDO NESSA TETA A CUSTA DO SUOR DOS CIDADÃOS PERNAMBUCANOS VÃO QUEBRAR A CARA. A RESPOSTA TODO ESSE DESCASO SERÁ NAS URNAS.

  3. Governo perdido e povo sofrido, sem efetivo e condições de trabalho assim os bandidos vão fazer a festa e nós ficamos com cara de otário vendo essa violência desenfreada passando aos nossos olhos… Que vergonha!!!

  4. Engraçado, será que o SDS e o Corregedor não tem conhecimento do artigo 2º da Lei Complementar nº 158/2010, que estabelece uma quarentena mínima de dois anos em ATIVIDADE MEIO e na CAPITAL DO ESTADO para os servidores da Corregedoria? Não seria ilegal colocar servidores na atividade fim (plantões)? É uma prova de quando o GOVERNO quer, não se respeitam sequer as LEIS.