Ladrões invadem Igreja de São Miguel Arcanjo e furtam objetos

A Delegacia do Espinheiro está investigando o furto do Ostensório do Oratório da Igreja de São Miguel Arcanjo, localizada na Rua Marquês do Paraná, no bairro do Espinheiro, ocorrido nesse final de semana. A peça foi levada da igreja entre os dias 4 e 5 deste mês. O Ostensório é usado em atos da Igreja Católica para expor solenemente a Hóstia Consagrada sobre o altar ou para transportá-la em procissões. Além do Ostensório, os criminosos levaram ainda o cofre da igreja, uma mesa de som e um microfone sem fio.

Ostensório é

Ostensório é usado para expor a hóstia consagrada. Foto: WhatsApp/Divulgação

Não se sabe ainda quantas pessoas entraram no local, mas uma das portas da igreja foi arrombada e os fios do alarme foram cortados durante a ação criminosa. Havia uma pequena quantia de dinheiro no cofre e a igreja não tem câmeras de monitoramento. De acordo com o frei Paulo Sérgio Feitosa, pároco da Igreja do Espinheiro e reitor do Oratório de São Miguel Arcanjo, a central de alarme da igreja também foi destruída. “Percebemos que a igreja havia sido invadida nessa segunda-feira. Já procuramos a polícia e estamos esperando as investigações”, contou frei Paulo.

A Polícia Civil vai solicitar imagens das câmeras de segurança dos edifícios que ficam nas proximidades da igreja para tentar identificar os criminosos. Como peças iguais ou parecidas com o Ostensório não são vistas facilmente nas ruas, a igreja e a polícia esperam que quem tiver informações sobre os criminosos possam telefonar para o Disque-Denúncia pelo número (81) 3421-9595. O anonimato da ligação é garantido. A insegurança no estado está deixando a população cada dia mais assustada. Além dos constantes assaltos a bancos e ônibus, agora, nem as igrejas estão livres da criminalidade.

Os comentários estão fechados.