CNJ determina mutirão nas varas do tribunal do júri de Jaboatão

Da Agência CNJ de Notícias

O corregedor nacional de Justiça, ministro Francisco Falcão, determinou a instauração de mutirão para regularizar as ações das Varas Privativas do Tribunal do Júri da Comarca de Jaboatão dos Guararapes/PE, com o objetivo de agilizar o atendimento dos processos.

O mutirão pretende indicar rotinas de trabalho que deem mais racionalidade aos recursos materiais e humanos disponíveis.  A decisão do corregedor é resultado do relatório da úlltima inspeção da Corregedoria Nacional, realizada em 2011, no qual reconhece o acúmulo de processos pendentes e a necessidade de reestruturação da unidade.

A portaria nomeia os juízes auxiliares da Corregedoria Nacional que acompanharão os trabalhos e determina que todos os segmentos envolvidos, incluindo o Ministério Público, Defensoria Pública e a Ordem dos Advogados do Estado, sejam notificados da portaria. Durante a inspeção, os trabalhos forenses não serão suspensos e deverão prosseguir regularmente.

Os comentários estão fechados.