Delegacia do Turista investiga furto à delegação da Espanha

A Delegacia do Turista da Polícia Civil de Pernambuco abriu inquérito para apurar a denúncia de um suposto furto à delegação da Espanha, ocorrido dentro do Hotel Golden Tulip, em Boa Viagem, onde os europeus se hospedaram em sua passagem pelo Recife. A polícia tem 30 dias para concluir as investigações.

Seleção da Espanha ficou hospedada em Boa Viagem. Foto: Paulo Paiva/DP/D.A Press

Seleção da Espanha ficou hospedada em Boa Viagem. Foto: Paulo Paiva/DP/D.A Press

A primeira versão indicava que os quartos de alguns atletas teriam sido violados por um funcionário do hotel. Outra apontava que a delegação teria participado de um jantar após a vitória sobre o Uruguai, embalado por uma banda de pagode. Na sequência, cinco jogadores e um membro da comissão técnica teriam subido para um dos aposentos com cinco mulheres para uma partida de strip poker. Durante essa festinha particular, alguns pertencentes teriam desaparecido.

O diretor da Capital e da Região Metropolitana da Polícia Civil, Luiz Andrey, informou que o delegado Luiz Alberto será o responsavel pelo inquérito. “Um total de 27 pessoas que trabalham no hotel já foram ouvidas e enviamos uma carta precatória para o Rio de Janeiro e pessoas da delegação espanhola serão ouvidas para falarem efetivamente o que teria ocorrido”, afirmou Andrey.

Pelo menos foi seguro na Arena

Diante de tantas reclamações e da tamanha repercussão da “tragédia” que foi o retorno do jogo entre Espanha e Uruguai na Arena Pernambuco, pelo menos uma boa notícia pode ser destacada. Segundo a polícia, apenas seis registros foram feitos na delegacia móvel instalada no local para atender ao público do jogo.

Apenas seis registros policiais foram feitos na Arena. Foto: Paulo Paiva/DP/D.A Press

Seis registros policiais foram feitos na Arena. Foto: Paulo Paiva/DP/D.A Press

As queixas feitas aos policiais civis que estavam trabalhando foram de uma perda de documentos e cinco de perdas de ingressos. Também, depois de enfretarem filas quilométricas, apertos, espera para comprar comida e muita falta de informação, para o dia terminar pior só faltavam os “espertinhos” terem aparecido por lá para afanar carteiras e celulares do público.

Confira o esquema de segurança da SDS para a Copa das Confederações

3.294 Policiais Militares
299 Policiais Civis
335 Bombeiros
26 Homens da Polícia Científica
448 Policiais rodoviários federais
541 Policiais federais
240 Guardas Municipais/CTTU