Primeiro Compaz do Recife será inaugurado neste sábado

Moradores do Alto Santa Terezinha e outras comunidades da Zona Norte do Recife serão beneficiados, a partir de amanhã, com a inauguração do Centro Comunitário da Paz (Compaz) Governador Eduardo Campos. A unidade é a primeira do Recife a funcionar e será entregue à população no dia do aniversário de 479 anos da capital pernambucana. O equipamento tem o objetivo de promover a cultura de paz e a segurança cidadã, oferecendo serviços de educação, cultura, esportes e cidadania. Aproximadamente 220 mil pessoas serão beneficiadas com a estrutura, que vai funcionar de maneira integrada com a Escola Municipal Alto Santa Terezinha, a Creche Zacarias do Rego Maciel e a Academia das Cidades.

Unidade vai beneficiar 220 mil moradores das proximidades. Foto: Malu Cavalcanti/Esp/DP

Unidade vai beneficiar 220 mil moradores das proximidades. Foto: Malu Cavalcanti/Esp/DP

Na manh’a desta sexta-feira, o prefeito Geraldo Julio realizou a última vistoria no Compaz. O gestor aproveitou a visita para apresentar o equipamento ao secretariado municipal. Quem também participou da vistoria é o vice-governador de Pernambuco Raul Henry, que é um dos idealizadores do modelo do Compaz. Na última vistoria feita no local, em fevereiro deste ano, o prefeito Geraldo Julio destacou que a unidade vai oferecer serviços de qualidade em um local que fica perto da casa das pessoas que vivem no Alto Santa Terezinha e nas proximidades. O gestor ressaltou ainda que outra função importante do Compaz é que as escolas próximas a ele poderão levar seus alunos para praticarem das atividades e utilizar a biblioteca e espaços para esportes.

O Compaz vai complementar atividades que já são desenvolvidas no bairro e oferecer outras que agreguem cidadania e acesso à informação. Além das oficinas de artes marciais, dança e música, o centro terá atividades esportivas, cursos de capacitação profissional, mediação de conflitos, acesso à Justiça, serviços de assistência social, agência de emprego, Procon e biblioteca. Essa última terá vasto acervo e sistema de carteirinha de identificação para locação de livros. Alunos da rede municipal farão cadastro para poder locar livros e terem acesso ao espaço, que contará também com sala de estudo e computadores com internet.

O centro atuará em parceria com empresas e instituições no atendimento e desenvolvimento cidadão dos moradores da região, diminuindo o custo para a administração municipal. Entre os parceiros do Compaz estão a Fundação Bernard Van Leer, Fundação Itaú, Grupo Parvi, Instituto Cervantes, British Council, Livraria Cultura, Secretaria de Educação de Pernambuco, SESC, Fundação Gilberto Freyre, Conservatório Pernambucano de Música, Universidade Católica de Pernambuco (Unicap) e diversas secretarias municipais.