Policiais civis fazem assembleia nesta quinta-feira

Esta prevista para a noite desta quinta-feira a assembleia dos policiais civis de Pernambuco, que podem deflagrar estado de greve. O encontro irá acontecer no auditório do Sindicato dos Policiais Civis de Pernambuco (Sinpol), às 19h, no bairro de Santo Amaro.

Durante a reunião, vai ser definido um calendário de mobilizações. A categoria pede, entre outras coisas, o aumento do efetivo, aumento salarial e a diminuição da carga horária de trabalho. Segundo o presidente do Sinpol, Cláudio Marinho, uma pauta de reivindicações já foi entregue ao governo do estado, mas, até o momento, não houve resposta.

De acordo com ele, as últimas contratações da PC aconteceram em 2007, quando 600 policiais foram integrados ao efetivo. De lá para cá, 38% dessas pessoas já pediram exoneração. “O excesso de carga horária e o acúmulo de serviço para atingir as metas do Pacto pela Vida está comprometendo a saúde dos policiais”, comentou o presidente do Sinpol.

Na pauta de reivindicação dos policiais também consta a recomposição da grade remuneratória, em que eles pedem o aumento de 70%, descongelamento do plano de cargos e carreiras e recomposição do quadro efetivo. Cláudio Marinho afirma que em Pernambuco existem 6,8 mil policiais civis e que eles trabalham 44h semanais.

O titular da pasta de Defesa Social, Wilson Damázio, afirmou que os policiais civis estao recebendo os reajustes anuais que foram acertados no ultimo acordo com o governo e que para 2014 a categoria receberá um novo reajuste de 14%.

 

Os comentários estão fechados.