Polícia Civil do estado distribuiu quase seis mil itens na Operação Noite Feliz

Quase seis mil itens entre alimentos, brinquedos e roupas foram arrecadados em menos de um mês de campanha realizada nas delegacias do estado. O 1º ano da Operação Noite Feliz da Polícia Civil de Pernambuco superou as expectativas dos policiais e levou alegria a muitas crianças carentes. A atitude dos policiais, que cada vez mais se aproxima da comunidade, vem conquistando muitos adeptos nas campanhas sociais promovidas pela polícia.

Doações foram recebidas nas delegacias do estado. Fotos: Polícia Civil/Divulgação

Doações foram recebidas nas delegacias do estado. Fotos: Polícia Civil/Divulgação

A primeira entidade a receber as doações foi a Creche de Tia Socorro, no bairro de Prazeres, em Jaboatão dos Guararapes, onde vivem mais de 50 crianças na faixa etária de zero a seis anos. “A solidariedade é contagiante. A vontade de fazer o bem se espalha entre as pessoas com a proximidade dos festejos de final ano”, disse o Chefe da Polícia Civil, Osvaldo Morais. A dona da creche, Zenilda Bezerril, parabenizou a iniciativa. “Se cada um fizesse um pouco, muita gente estaria feliz nos dias de hoje”, afirmou.

 

Donativos foram levados nos carros da polícia e chamaram a atenção da comunidade

Donativos foram levados nos carros da polícia e chamaram a atenção da comunidade

A ideia de fazer a Operação Noite Feliz surgiu do delegado Glaukus Menck, gestor de Polícia do Interior 2, no Sertão Pernambucano. Tudo começou com a Operação Caixa de Sorriso no Dia das Crianças. A ação foi realizada apenas no Sertão e foi um sucesso. Com a Noite Feliz não podia ser diferente. O Sertão foi a área que mais arrecadou donativos: 1.257 quilos de alimentos; 1.200 refrigerantes; 1.015 brinquedos e  472 peças de roupas para todas as idades.

Delegado Osvaldo Morais fez entregas numa creche em Prazeres

Delegado Osvaldo Morais fez entregas numa creche em Prazeres

A Diretoria do Interior 1 – Agreste do Estado – também se engajou na luta e conseguiu arrecadar 160 brinquedos, 120 quilos de alimentos e 110 peças de roupas. A Delegacia do Idoso, no Recife arrecadou 14 brinquedos. O Departamento de Crimes Patrimoniais – Depatri,  conseguiu 340 brinquedos e 65 quilos de alimentos. O Departamento de Narcotráfico – Denarc recolheu 160 brinquedos  e a Delegacia de Paulista 230 brinquedos.

A Corregedoria da Secretaria de Defesa Social, Delegacia Crimes Contra a Administração e  Serviços Públicos, Delegacia de Jaboatão dos Guararapes e tantas outras  também se engajaram na campanha. Cada delegacia ficou responsável pela escolha da instituição para a entrega dos donativos.