Veja lista dos 2 mil candidatos convocados para seguir no concurso da PM

A Comissão de Concurso do Instituto de Apoio da Universidade de Pernambuco (CONUPE/IAUPE) e a Secretaria de Defesa Social de Pernambuco (SDS/PE), em atendimento ao contido na Portaria Conjunta SAD/SDS nº 105, de 17 de novembro de 2014, convocam os 2.000 (dois mil) candidatos melhores classificados em ordem decrescente, que confirmaram o interesse em continuar participando do Concurso Público instituído pela Portaria Conjunta SAD/SDS nº 101, de 31 de agosto de 2009, para realização da fase de Avaliação Psicológica, da 1ª etapa do concurso público para o ingresso no cargo de soldado da Polícia Militar de Pernambuco

Clique aqui e confira a lista

Mais de 30 mil pessoas privadas de liberdade farão a prova do Enem

Nestas terça e quarta-feira, 30.341 pessoas privadas de liberdade vão fazer o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2013. Os candidatos terão que resolver quatro provas objetivas que abrangem as várias áreas de conhecimento abordadas em sala de aula. Eles farão as provas nas próprias unidades prisionais e socioeducativas.

Provas acontecem nestas terça e quarta. Foto: Bruna Monteiro/DP/D.A Press

Provas acontecem nestas terça e quarta. Foto: Bruna Monteiro/DP/D.A Press

O número de inscritos aumentou 28,2% em relação ao ano passado, quando o total chegou a 23.665. O crescimento é um pouco maior do que verificado no Enem aplicado aos demais candidatos, que em 2013 teve 7,1 milhões de inscritos, cerca de 27% a mais que em 2012 (5,6 milhões).

A maior parte dos inscritos, 23.405, fará a prova para obter a certificação do ensino médio. Os dados são do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). O Enem também pode ser usado pelos candidatos como forma de ingresso no ensino superior público pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu); no particular, com as bolsas do Programa Universidade para Todos (ProUni); e no técnico, pelo Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec).

O ensino superior pode ser cursado de forma presencial pelos detentos em regime semiaberto ou de forma indireta, quando, mediante a autorização de um juiz, o interno tem acesso à gravações das aulas.

“O Enem está sendo bem-aceito, fazemos a divulgação tanto para os detentos que participam dos núcleos de ensino, como nas próprias celas”, diz o coordenador de Educação nas Unidades Prisionais e responsável pela aplicação do Enem nas unidades do Distrito Federal (DF), Ricardo Gonçalves Barbosa. “Desde o início do ano letivo, desde que o Enem foi permitido para os privados de liberdade, fazemos o nosso planejamento envolvendo conteúdos do exame”, destaca. Segundo ele, os estudantes fazem provas interdisciplinares, com preenchimento de gabaritos durante todo o ensino médio, a fim de treinar para as provas.

No caso dos privados de liberdade, os candidatos são todos isentos de taxa de inscrição, que foi R$ 35 para os demais candidatos. Eles manifestam o interesse de participar e, mediante autorização, são inscritos por um coordenador pedagógico da instituição. No DF, 979 foram inscritos. O número, segundo Barbosa poderia ser maior, caso houvesse estrutura e mais fiscais para acompanhar a aplicação da prova.

Foto: Annaclarice Almeida/DP/D.A Press

Foto: Annaclarice Almeida/DP/D.A Press

O professor Altemir de Almeida ensina nas unidades prisionais do DF há sete anos. Antes disso, trabalhou no ensino regular, por 12 anos. “A educação é moeda de troca na cadeia. Muitos querem estudar, mas as vagas são limitadas. Elas acabam sendo oferecidas àqueles com melhor comportamento. Então, em sala de aula, vemos alunos muito interessados”, conta.

Os gabaritos das provas objetivas serão divulgados na página do Inep até o dia 9 de dezembro. Os responsáveis pedagógicos poderão acessar os resultados individuais dos participantes do Enem 2013 da unidade prisional ou socioeducativa pelos relatórios disponibilizados no sistema de inscrição, com a inserção da senha pessoal.

Em Pernambuco, 442 reeducandos farão as provas do Enem Prisional em Pernambuco neste ano, o que representa aumento de cerca de 100% em relação ao número de inscritos do ano passado. As provas acontecerão a partir das 13h, em 13 unidades prisionais da Região Metropolitana e interior do estado. Pernambuco possui a melhor média nacional de reeducandos que estudam, pois 27% da sua população carcerária frequentam a sala de aula, enquanto a média no resto do país é de 11%.

Da Agência Brasil, com informações da assessoria de imprensa da Seres

Convocação de candidatos do concurso da PM de 2009 em análise

A respeito da nota publicada no blog na semana passada sobre a indefinição na contratação dos candidatos que fizeram concurso da Polícia Militar no ano de 2009, o secretário de Defesa Social, Wilson Damázio, garantiu que o governo do estado está estudando a possibilidade de chamar outras pessoas para fazer o Curso de Formação de Soldados da Polícia Militar.

De acordo com Wilson Damázio, a Secretaria de Administração está estudando as finanças públicas estaduais para que as contratações não fiquem fora da Lei de Responsabilidade Fiscal. “Não temos nenhuma previsão de quando essas nomeações serão realizadas, mas o governador determinou que a situação fosse analisada. Assim que tivermos alguma novidade, a informação será repassada”, garantiu o secretário.

Leia mais sobre o assunto em:

Candidatos do concurso da PM de 2009 ainda esperam convocação

Candidatos do concurso da PM de 2009 ainda esperam convocação

Depois da nomeação dos últimos 1.612 aprovados no concurso da Polícia Militar de 2009, um grupo de 1.375 novos PMs foi enviado às ruas após ter passado pelo curso de formação. No entanto, muitos concorrentes que não chegaram a ser classificados esperam até hoje que a Secretaria de Defesa Social (SDS) os chamem para ingressar na corporação. Segundo alguns concorrentes que participaram da disputa, 99.612 candidatos fizeram as provas. Desse total, foram aprovados 19.612 respeitando as ordens de classificação.

Dos 19.612 aprovados, apenas 6.781 candidatos foram convocados para realizar a segunda fase do concurso, da qual 3.712 candidatos ficaram aptos para entrar no Curso de Formação de Soldados. Dos 3.712, foram convocados os primeiros 2.100 alunos, respeitando as ordens de classificação. Enquanto os 2.100 alunos estavam no CFSd, os 1.612 restante ficaram no aguardo para serem convocados.

Ainda segundo os candidatos, dos 2.100 alunos que entraram no CFSd em 2010 apenas 1.956 alunos se formaram em 18 de fevereiro de 2011. Os outros 1.612 candidatos conseguiram ingressar no CFSd no dia 03 de setembro de 2012. Desses, um total de 1.375 conseguiram se formar no dia 04 de março de 2013. Os candidatos que não chegaram a ser aprovados alegam que existem ainda mais de 230 vagas para serem preenchidas relativas a esse concurso, sem falar nas baixas que acontecem diariamente na PM.

Segundo material enviado ao blog, aproximadamente 12 mil candidatos estão aguardando a convocação por parte do governo do estado. Com a palavra, a SDS ou a Secretaria de Administração do estado. Quando será que essas pessoas serão convocadas para iniciar os cursos? O que o governo pode responder a esse grupo que espera ansioso por uma resposta.