Confira trecho da palestra do ex-capitão do Bope Paulo Storani

Assista ao vídeo com trecho da palestra do ex-capitão do Bope Paulo Storani realizada na noite dessa segunda-feira na Faculdade Boa Viagem, no bairro da Imbiribeira.A sinergia entre o público e Storani (consultor do filme, coordenador do Curso de Operações Especiais e um dos oficiais que serviu de inspiração para o capitão Nascimento, interpretado pelo ator Wagner Moura) tem como objetivo despertar as pessoas para superarem os desafios do ambiente de trabalho.

 

 

Inspirada no filme “Tropa de Elite”, a palestra propôs estabelecer a relação entre a realidade do Batalhão de Operações Policiais Especiais da PM do Rio de Janeiro (Bope) e das empresas e atividades do mundo corporativo.

O foco da abordagem foi o que está além dos processos: o compromisso com a marca (empresa); o foco no resultado; o trabalho em equipe; a superação de limites e metas; a liderança mútua; e a auto-realização no cumprimento da missão – tarefa.

Caravana do desarmamento no interior de Pernambuco

A partir da próxima sexta-feira, mais pernambucanos poderão contribuir com a Campanha do Desarmamento promovida pela Secretaria de Defesa Social (SDS) e pela Polícia Federal. Uma van fará a coleta itinerante de armas e munição em 60 municípios do Sertão, do Agreste e da Zona da Mata, que ainda não contam com o serviço. A primeira visita do projeto será a Barra de Guabiraba, Agreste.

Van visitará 60 cidades do interior. Foto: DP/D.A Press

Van visitará 60 cidades do interior. Foto: Marcela Pereira/DP/D.A Press

O posto itinerante seguirá com as viagens até dezembro e a ação deve se repetir no próximo ano, após um novo estudo para a definição de mais municípios. “A escolha das cidades foi feita a partir do número de ocorrências com armas de fogo. Além de priorizar os locais com mais incidentes, organizamos o cronograma de visitas para fazê-las em datas com maior circulação de pessoas, como dias de feira livre, por exemplo”, explicou o secretário-executivo da Defesa Social, Alessandro Carvalho.

Quem entrega a arma não precisa se identificar e recebe indenização de R$ 150 a R$ 450, dependendendo do item. Para levar a peça ao ponto de entrega, é necessária uma guia de trânsito, que pode ser retirada no próprio posto itinerante ou no site da campanha (www.entreguesuaarma.gov.br). “De posse da guia, que tem validade de 24 horas e indica o início e o fim do trajeto a ser percorrido com a arma, a pessoa poderá seguir o caminho sem temer fiscalizações eventuais”, esclareceu o secretário-executivo. “O cidadão deve transportar a arma sem munição para descaracterizar seu pronto uso”, acrescentou.

Leia matéria completa escrita pela repórter Marcela Pereira na edição do Diario desta terça-feira

 

Coronel Luís Aureliano não é mais o comandante da Polícia Militar

Depois de dez meses à frente da Polícia Militar de Pernambuco, o coronel Luís Aureliano deixa o cargo nesta terça-feira. Aureliano assumiu a corporação no lugar do também coronel Tavares Lira, que deixou o cargo em julho do ano passado para ser assessor especial do governador Eduardo Campos.

Coronel Aureliano deixa o cargo nesta terça-feira

Coronel Aureliano deixa o cargo nesta terça-feira

Aureliano, considerado um militar calmo e pacífico, já foi comandante do policiamento do Agreste, ajudante de ordem do ex-governador Jarbas Vasconcelos e comandou o Batalhão de Policiamento de Choque (BPChoque). Em seu lugar, assumirá o comando do Quartel do Derby o também coronel José Carlos Pereira, que deixará a Diretoria Integrada do Interior II, com sede em Petrolina.

A cerimônia de troca de comando acontece às 16h desta terça-feira, no Quartel do Derby. Aureliano está deixando o cargo por motivos pessoais. Ele mesmo fez o pedido para sair do comando e vai continuar na corporação, no entanto, entrará numa lincença especial a partir de agora.